Aprenda evitar erros de português no ambiente de trabalho

Aprenda evitar erros de português no ambiente de trabalho

Muitas pessoas não se dão conta, mas a forma como falam e escrevem podem prejudicar sua imagem, principalmente no âmbito profissional. Enviar um e-mail para um cliente com erros de português pode fazer com que ele fique desconfiado e duvide da credibilidade da empresa. Ninguém precisa ser um Professor Pasquale, mas saber as regras básicas da Língua Portuguesa vai te ajudar a passar mais seriedade em diversas situações.
 

Como Evitar Erros de Português no Trabalho

 
É bastante comum encontrarmos pessoas que digam que não gostavam da disciplina de Língua Portuguesa na escola e que a gramática é complicada demais. Realmente, existem conteúdos que são mesmo difíceis de serem compreendidos, mas é possível aprender o básico para nos comunicarmos bem, tanto de forma oral quanto escrita. Confira, a seguir, seis dicas que vão te ajudar a eliminar os erros de português do seu trabalho.
 

1 – Leia Mais

 
A melhor maneira de aprender o português correto é tendo contato com ele através da leitura. E, para isso, não é necessário ler romances clássicos de quinhentas páginas. Você pode ler assuntos que lhe interessem para se informar e, ao mesmo tempo, aperfeiçoar a sua escrita. Ler um jornal, uma revista, sites de notícias, livros sobre a sua área profissional, tudo isso conta como leitura.
 
Não é necessário ficar analisando a escrita para aprender, basta ler de forma natural e, com o tempo, irá assimilando as regras de uso da vírgula, acentuação, grafia correta das palavras, dentre outros aspectos. Além disso, a leitura ajuda a enriquecer o seu vocabulário e, assim, terá um repertório maior de palavras para utilizar.
 

2 – Conheça as Suas Dificuldades

 
Cada pessoa tem suas dificuldades em relação à Língua Portuguesa e é importante saber quais são os seus pontos fracos para eliminá-los. Anote os erros que mais costuma cometer acompanhados da correção, assim ficará mais fácil memorizar a forma certa. Algumas das dificuldades mais comuns são:
 
MAS e MAIS: Usa-se MAS para ligar frases, a expressão tem o mesmo sentido de PORÉM. Já a palavra MAIS é usada para dar intensidade.
 
Exemplo: Preciso ler MAIS, MAS estou sem tempo.
 
MAL ou MAU: A palavra MAL é o contrário de BEM, enquanto MAU é o contrário de BOM.
 
Exemplo: Você pode ser considerado um MAU profissional por escrever MAL.
 
A VER ou HAVER: A expressão A VER indica uma relação, enquanto a palavra HAVER é um verbo.
 
Exemplos: Uma coisa não tem nada A VER com a outra. / Podem HAVER problemas no novo software.
 

3 – Evite o Gerundismo

 
Você, provavelmente, já ouviu alguém dizer frases como “Vou estar ligando”, “Vou estar fazendo” e outras, que são bastante comuns em empresas. O que essas duas frases têm em comum é que ambas estão no gerúndio, que é uma forma nominal que traz o verbo em uma ação que está acontecendo. Não é errado utilizar o gerúndio porque ele faz parte da Língua Portuguesa, o problema está no excesso e no uso desnecessário, que é chamado de gerundismo.
 
Esse vício de linguagem começou por causa das primeiras cartilhas de telemarketing que começaram a ser usadas no Brasil. Elas foram mal traduzidas do inglês e traziam o verbo no gerúndio, isso fez com que muitos profissionais acreditassem que essa era é a forma certa de falar. A dica para evitar o gerundismo é simplificar, sempre diga “Eu vou ligar”, “Eu vou fazer”, etc. Muito mais simples, não é mesmo?
 

4 – Releia o Que Escreveu Antes de Enviar

 
Sempre que escrever um e-mail, um relatório, um aviso ou qualquer outro tipo de texto, releia antes de enviar para outras pessoas. Esse cuidado não irá te custar muito tempo e te dará outra chance de perceber algum erro que tenha deixado passar. Se tiver algum colega de trabalho próximo, peça para que ele leia também, assim ele poderá encontrar algo que você não tenha visto.
 

5 – Escreva Sempre em um Programa de Edição de Textos

 
Mesmo que seja um e-mail, não escreva diretamente no corpo da mensagem e sempre utilize um programa de editor de textos que tenha corretor. O Word, que faz parte do pacote Office do Windows, é o mais utilizado e pode te ajudar a evitar diversos tipos de erros ortográficos. Assim, caso escreva algo errado, a palavra ficará sinalizada e você poderá corrigir. Depois, é só copiar e colar no local desejado para enviar ou imprimir.
 

6 – Na Dúvida, Pesquise no Google

 
Mesmo aquelas pessoas que dominam muito bem a Língua Portuguesa têm dúvidas e isso é completamente normal. Por isso, mesmo que tenha seguido todas as outras dicas e esteja escrevendo bem, não deixe de pesquisar quando não tiver certeza sobre algo relacionado à escrita. Basta abrir o Google, digitar a sua dúvida e ler as respostas. Entretanto, é importante tomar cuidado e confiar apenas em sites confiáveis, como UOL e G1, por exemplo, que possuem páginas dedicadas exclusivamente a dicas de português.
 
Qual é a sua maior dúvida em relação à Língua Portuguesa? Conte-me nos comentários abaixo.