Principais riscos de levar serviço para casa

Principais riscos de levar serviço para casa

Levar trabalho para fazer em casa, além de representar um sério risco para a saúde emocional e física dos profissionais, indica que eles têm dificuldade de fazer a gestão do seu tempo e rendimento no escritório. O nível de estresse pode atingir picos bastante elevados e acarretar numa série de dificuldades pessoais e no ambiente de trabalho. Construir uma rotina menos pesada e com um ritmo mais aceitável contribui para melhorar o desempenho e a sensação de satisfação.
 

Quais os Riscos de Levar Trabalho Para Fazer em Casa?

 
O estresse no trabalho já é uma realidade em empresas de todos os portes e os profissionais que não conseguem desenvolver inteligência emocional para resolver esse problema podem ter episódios de estafa e, até mesmo, desenvolver patologias físicas. Abaixo listei os principais riscos que esse mau hábito de trabalho pode trazer para a sua vida para que você repense a forma como está gerindo o seu tempo.
 

Isolamento social

 
Há quanto tempo você está levando trabalho para casa? Dependendo da resposta, saiba que tem um problema sério, especialmente para a sua vida social. Interagir com os familiares e ter amigos faz parte da definição de vida social saudável e não pode ficar em segundo plano.
 
A saúde mental é fortalecida quando se intercalam momentos de trabalho e momentos de lazer. Manter-se afastado das pessoas que são importantes na sua vida contribui para o aumento do seu mau humor e pode, até mesmo, desencadear uma depressão.
 

Ciclo de atrasos

 
Um risco de levar trabalho para fazer em casa com frequência é entrar num ciclo que nunca será quebrado de entregas com atraso. O profissional se habitua a nunca terminar os projetos dentro do horário de expediente e contar com as horas extras no seu lar, momento em que deveria estar descansando. Trabalhar mais tempo num projeto não significa realizar as suas tarefas com mais qualidade, aliás, muito pelo contrário.
 
Não ter um período para descansar e relaxar reduz a sua capacidade de atenção e aumenta a insatisfação com a sua produtividade. Uma forma de resolver essa questão é ter hobbys, como assistir filmes ou ler em casa, de maneira que haja estímulo para concluir todo o trabalho durante o expediente para estar livre mais tarde. Observe que, se você tem um compromisso, consegue acelerar o trabalho para sair mais cedo, então pode conseguir isso sempre.
 

Falta de conhecimento sobre gestão do tempo

 
A má gestão do tempo no escritório pode ser tanto causa como consequência de levar trabalho para fazer em casa, pois o indivíduo perde a limitação do relógio para encerrar as suas atividades num horário que seja positivo para a sua saúde. O estresse no trabalho decorre da falta de divisão de tempo para as obrigações e para a diversão.
 
Embora muitas empresas realmente gerem um grande volume de trabalho para os seus colaboradores, não tem como justificar que alguns profissionais estejam sempre precisando de horas extras. Estar todo final de semana dependurado nos prazos demonstra que a pessoa não consegue se organizar para cumprir as suas tarefas dentro dos horários pré-definidos.
 

Desenvolvimento de patologias físicas

 
O estado emocional de uma pessoa que nunca descansa está sempre por um fio, algo que já contribui enormemente para o desenvolvimento de doenças. Somado a isso, temos que considerar que esse indivíduo, provavelmente, tem um alto consumo de café ou outra bebida estimulante para se manter alerta, não se alimenta com qualidade e tem hábitos ruins, como sedentarismo e/ou tabagismo.
 
Não é difícil entender porque as chances de desenvolver doenças aumentam consideravelmente. Dentre os distúrbios de saúde mais comuns nessa situação estão dores de cabeça, problemas gastrointestinais, reações alérgicas de fundo emocional, dores musculares, entre outros.
 

Dificuldades para se relacionar com as outras pessoas

 
Estar num estado constante de estresse no trabalho afeta a maneira como os profissionais interagem com as pessoas a sua volta. Estar irritadiço e sensível o tempo todo pode funcionar como um incentivo para iniciar brigas que poderiam ser facilmente evitadas. Manter-se bem humorado poderá te ajudar a crescer profissionalmente na sua carreira e ter uma vida pessoal com mais qualidade.
 

Tornar-se incapaz de se divertir

 
Se você não consegue se lembrar da última vez que fez algo divertido, precisa urgentemente rever essa situação. Manter-se sempre ocupado trabalhando pode fazer de você uma pessoa incapaz de se divertir. Desaprender a como ser feliz com as pequenas coisas da vida é um passo bastante perigoso rumo a uma depressão. Pode ser interessante em alguns momentos apenas relaxar e ficar longe dos meios de comunicação digital, como smartphone e tablet. Que tal só rir assistindo a uma comédia no cinema com os amigos?
 
Vivemos num ritmo desumano de trabalho e difusão de informações, saber como gerir seu tempo respeitando os seus limites é fundamental para ter um bom rendimento profissional e ser uma pessoa mais feliz!