Você sabe o que faz um Analista de Sistemas?

Você sabe o que faz um Analista de Sistemas?

O analista de sistemas é o responsável por pesquisar, planejar, coordenar e recomendar opções de software para atender às necessidades dos negócios de uma organização. O profissional desempenha um papel vital no processo de desenvolvimento de sistemas.
 
No artigo de hoje vou falar a respeito desse profissional que é tão importante em empresas do setor da tecnologia.
 

As Habilidades de um Bom Analista de Sistemas

 
Um bom profissional da área de análise de sistema deve ter as seguintes habilidades:
 
Ser analítico: As habilidades analíticas permitem aos analistas de sistemas compreender a organização e suas funções, o que o ajuda a identificar oportunidades e a analisar e resolver problemas.
 
Conhecimentos técnicos: As habilidades técnicas ajudam o profissional a entender o potencial e as limitações da tecnologia da informação. O analista de sistemas deve ser capaz de trabalhar com várias linguagens de programação, sistemas operacionais e plataformas de hardware de computador.
 
Conhecimentos gerenciais: As habilidades de gerenciamento ajudam os analistas de sistemas a gerenciar projetos, recursos, riscos e mudanças.
 
Relacionamento interpessoal: As habilidades interpessoais ajudam os analistas de sistemas a trabalhar com usuários finais, bem como com analistas, programadores e outros profissionais de sistemas.
 

O Que um Analista de Sistema Faz?

 
Por meio das habilidades que citei anteriormente dá para ter uma noção do trabalho realizado por um analista de sistema. Além do que foi dito, são eles os responsáveis por ouvir as solicitações dos usuários em relação às especificações técnicas dos softwares criados por sua equipe. Eles são a ligação entre os clientes e os profissionais de tecnologia da informação da organização do qual fazem parte.
 
Os analistas também podem ser responsáveis pelo desenvolvimento de análise de custos, considerações de projeto, prazos de implementação, estudos de viabilidade de um sistema, etc.
 
Um analista de sistemas executa as seguintes tarefas:
 
• Interagir com os clientes para conhecer suas necessidades a fim de criar soluções.
 
• Interagir com os designers para definir qual será a interface do software.
 
• Interagir e orientar os programadores para acompanhar o desenvolvimento do sistema.
 
• Executar testes de sistema com exemplos de dados.
 
• Implementar o novo sistema.
 
• Preparar documentação de alta qualidade.
 
Muitos analistas de sistemas acabam se tornando analistas de negócios por causa de sua ampla experiência em gerenciamento. Cada vez mais, os empregadores estão buscando pessoas que tenham um mestrado em administração de empresas (MBA) com ênfase em sistemas de informação para desempenhar papéis de gerência.
 

Os Ramos de Atuação de um Analista de Sistemas

 
A carreira de analista de sistemas é bastante ampla e ele pode atuar em diversos segmentos. Alguns deles são:
 

Analista de Sistemas Como Consultor

 
O analista de sistemas frequentemente atua como um consultor de sistemas para diversos tipos de negócios e, portanto, pode ser contratado especificamente para resolver problemas de sistemas de informação dentro de uma empresa. Essa contratação pode ser uma vantagem porque consultores externos costumam trazer uma nova perspectiva que outras pessoas de dentro da organização não possuem.
 
Como consultor externo, o profissional dependerá fortemente das habilidades que citei ao longo deste texto para analisar e projetar sistemas de informação adequados de acordo com as necessidades dos usuários.
 

Analista de Sistemas Como Especialista de Apoio

 
Outro papel que um analista de sistemas poderá desempenhar dentro de uma organização é o de especialista em suporte. Nessa função, o profissional precisa se basear em seus conhecimentos sobre hardware e software para auxiliar no desenvolvimento do projeto gerenciado por outra pessoa.
 
Esse trabalho muitas vezes não é um projeto de sistemas completo, mas sim a realização de uma pequena modificação. Como um especialista de apoio, você não irá gerenciar todo um projeto, mas sim servir como um recurso para ajudar o responsável.
 

Analista de Sistemas Como Agente de Mudança

 
O papel mais abrangente que o profissional de análise de sistemas pode assumir é o de agente de mudança. Como analista, você é um agente de mudança sempre que realiza qualquer atividade dentro do ciclo de desenvolvimento de sistemas, ou seja, isso é algo que faz parte da profissão. Mais precisamente, um agente de mudança pode ser definido como alguém que atua como um catalisador para mudanças dentro de uma organização, desenvolvendo um plano de ação para tornar o processo mais simples e organizado.
 
Aqui, mais uma vez, as habilidades citadas são fundamentais para a realização de um projeto de mudança. O analista deverá utilizar suas qualidades analíticas, seus conhecimentos técnicos e gerenciais aliados ao seu bom relacionamento interpessoal a fim de planejar e aplicar mudanças importantes dentro de uma organização, seja ela a implementação de um novo software, a automatização de processos e qualquer outra atividade que envolva tecnologia.
 

Uma Carreira Desafiadora

 
Como se pode ver, a carreira de analista de sistemas é cercada de desafios e é de grande importância dentro de uma organização. O analista de sistemas deve ser um indivíduo autodisciplinado, auto motivado, que seja capaz de gerenciar e coordenar outras pessoas, bem como inúmeros recursos do projeto. Acima de tudo, o profissional é um solucionador de problemas e é importante que ele enxergue cada um deles como um desafio a ser cumprido por meio de soluções viáveis.