Conheça o conceito denominado Service Design

Conheça o conceito denominado Service Design

Atualmente, mais do que qualquer outro fator, acredito que algo que as marcas devem oferecer a seus clientes, em primeiro lugar, é experiência. Obviamente, uma boa experiência, para que estes continuem consumindo o que estas empresas oferecem no mercado. Digo isso, pois os consumidores têm ficado cada vez mais exigentes, em decorrência do fácil acesso à informação que cada um tem, bem como do avanço da tecnologia, que tem acontecido num piscar de olhos e sem parar.
 
As empresas que não se atualizam neste sentido, que não se atentam para a forma como, verdadeiramente, as pessoas interagem e desejam interagir com seus produtos e serviços, terão maiores dificuldades de crescer e se tornarem bem-sucedidas, uma vez que é o comportamento do consumidor é o que determina e que deve determinar, em um grau elevado, a forma como as marcas se posicionam no mercado. Sendo assim, é fundamental prestar atenção e acompanhar estas tendências para não ficar para trás.
 
Tendo em vista este princípio, hoje vou escrever sobre o Service Design, que tem ajudado diversas empresas ao redor do mundo a atenderem as expectativas e necessidades de seus clientes de maneira assertiva, com o objetivo de manterem e melhorarem o seu posicionamento aos olhos destes. Confira mais sobre este tema nos próximos parágrafos.
 

Falando sobre Service Design

 
Service Design ou Design de Serviços, trata-se da forma como um serviço é pensado, de maneira a melhorar a sua qualidade, bem como a interação existente entre seus principais atores, ou seja, os profissionais que o desenvolvem e os clientes para o qual ele é desenvolvido.
 
Basicamente, estou falando de toda uma estrutura que é otimizada para atender, de forma satisfatória, a todos os envolvidos no processo de construção geral de um serviço, realizando um planejamento que otimize e organize, da melhor maneira possível, o trabalho dos profissionais, bem como a sua comunicação, infraestrutura, e, principalmente, traga melhorias à relação entre empresa e consumidor, potencializando a sua interação e experiência com o serviço e com a marca.
 

A quem ele atende?

 
Claro que, em essência, o principal foco de uma marca é prestar um bom atendimento ao cliente. Entretanto, no Service Design existem outros atores que merecem atenção, devendo também, suas expectativas e necessidades serem atendidas a contento. Vamos a eles:
 

Os Consumidores

 
Como eu disse, o principal foco em todo este processo é oferecer uma boa experiência ao cliente, assim que ele tem oportunidade de estar em contato com o que a sua empresa oferece no mercado. Sendo assim, para que o Service Design atue neste sentido, é preciso entender o que o consumidor espera da sua marca, como ele deseja interagir com seus produtos e serviços, que expectativas ele tem com relação a eles, de que forma estes vão atender e suprir suas necessidades, e assim por diante.
 
Dessa forma, é possível elaborar estratégias e materiais mais assertivos, com o intuito de atender a estas demandas, tornando a experiência que o cliente tem com a marca e com a empresa como um todo, ainda mais positiva.
 

Os profissionais

 
Só para deixar claro, quando falo de profissionais, estou falando de indivíduos de diversas áreas do conhecimento, mas mais especificamente de designers de produtos, designers gráficos, pessoas que trabalham com elaboração de estratégias, gerente de projetos, e assim por diante.
 
Estas são as mentes altamente preocupadas em oferecer uma experiência cada vez melhor e mais usual para o consumidor, sendo assim, merecem também atenção cuidado, já que estão lidando diretamente com o desenvolvimento do serviço em questão.
 
Assim, é necessário oferecer condições favoráveis para que o trabalho seja realizado com excelência, já que não se trata apenas de desenvolvimento, mas também de acompanhamento, uma vez que os Service Designers devem se preocupar com a elaboração do serviço, com o local onde o mesmo será prestado, com a interação que o cliente vai ter com este, tudo isso em tempo real, sempre sugerindo melhorias, aplicadas quase que de imediato.
 
Lendo este artigo, é possível perceber que diversas mudanças ocorreram e ainda estão acontecendo no processo produtivo de uma empresa. Mas não só neste ponto, como também na forma como o consumidor se relaciona e quer se relacionar com as organizações que atuam no mercado, exigindo sempre uma experiência cada vez mais produtiva. Sendo assim, como eu disse no início do artigo, é fundamental estar atento a estas transformações que estão ocorrendo, para não perder posicionamento.
 
Por isso, faça uma avaliação, bem como uma pesquisa, e veja de que forma você pode implementar melhorias em seu negócio, utilizando o Service Design para isso. Tenho certeza que vai ajudá-lo e vai otimizar ainda mais os seus resultados.
 
Gostou deste tema? Ele agregou em seus conhecimentos? Continue me acompanhando, pois todos os dias tem conteúdo novo, aqui, em minhas redes sociais e em meu canal no Youtube.