Jorge Paulo Lemann é um dos maiores empresários do mundo, e sua forma de pensar negócios explica as razões para isso!

Jorge Paulo Lemann é um dos maiores empresários do mundo, e sua forma de pensar negócios explica as razões para isso!

Como empreendedor, eu tenho como referências alguns empresários de sucesso que me inspiram muito em meu trabalho e na gestão dos meus negócios e, com certeza, um deles é Jorge Paulo Lemann. Dono da 3G Capital Partners, que engloba empresas multinacionais como: Budweiser, Burger King e Heinz, também é sócio da Ambev, uma das maiores cervejarias do mundo e de um dos homens mais respeitados do planeta, o multiempresário americano, Warren Buffett.

Atualmente, segundo o ranking 2016, da Revista Forbes, Paulo também é o 19º homem mais rico do mundo, com uma fortuna avaliada em mais de 27 bilhões de dólares. Entretanto, o que mais me chama atenção, não é a quantidade de dinheiro que Lemann acumulou ao longo de sua vida, mas sim sua trajetória, sua mentalidade de negócios, suas ideias, métodos e os pressupostos que o ajudaram a construir seu fantástico império, além Brasil.

 

Por isso, resolvi falar um pouco sobre algumas estratégias do empresário, as crenças e modelos que ele segue em suas empresas e vida pessoal, de modo que isso possa ajudar a ampliar sua visão como empreendedor e ter ainda mais inspiração para levar seu negócio para o próximo nível.

Lições de Jorge Paulo Lemann Para Inspirar Você Empreendedor

Agência Globo/Bloomberg O tênis ensinou lições importantes que Lemann também levou para seus negócios!

Desenvolva Estratégias Para Vencer suas Dificuldades

 

Segundo Lemann, quando aos 17 anos foi estudar em Harvard, nos Estados Unidos, inicialmente teve bastante dificuldade para se adaptar ao modelo americano e para ter boas notas nas matérias. Entretanto, isso não foi um empecilho para que ele se formasse. Para isso, desenvolveu sua própria estratégia de estudos. “Reduzi meus cursos a cinco coisas básicas que eu tinha que aprender neles e estudava seis horas por dia, além das aulas”.

Deu certo, o modelo criado por ele na universidade foi levado para suas empresas, onde ao invés de apenas a organização ter alvos, cada colaborador também tem cinco metas básicas individuais para cumprir, o que traz mais engajamento, participação e também potencializa o seu desenvolvimento.

Em nossos negócios, nós também convivemos com muitas dificuldades, e assim como Lemann, para superá-las é preciso ter foco e determinação para desenvolver ações efetivas que realmente nos ajudem a transpô-las. Pense, então, quais são, hoje, os cinco pontos críticos do seu empreendimento, aqueles que carecem de mais atenção, neste momento, e desenvolva  suas estratégias para eliminar suas fraquezas e potencializar seus resultados.

Forme Gente Boa – Contrate Profissionais Competentes

 

Uma empresa é formada por Processos e Pessoas, porém, não adianta de nada ter diretrizes e procedimentos bem definidos se os seus colaboradores não estão alinhados e preparados para colocar em prática tudo isso.  Neste sentido, Jorge Paulo Lemann, sempre faz questão de reforçar que “formar gente boa é o melhor negócio” e também defende a importância de o empreendedor participar do processo de contratação dos seus funcionários e de não terceirizar completamente esta responsabilidade.

O empreendedor tem que dar grande importância ao tópico de gente. Geralmente, ele olha mais para custos e vendas e contrata alguém de RH para se ocupar do assunto. Gente é algo em que o dono tem que estar envolvido.”. Jorge não quer dizer, com isso, que você tenha que abrir mão de um departamento de Recursos Humanos, mas sim que entenda que mesmo tendo um, você deve continuar a participar da seleção e dos programas de desenvolvimento dos seus profissionais.

Tire Sempre Aprendizados dos seus Erros

 

Lemann conta de por jogar tênis desde criança, logo ele compreendeu uma das principais lições do esporte – que ele não poderia ganhar todas sempre. Entretanto, isso não foi motivo para se conformar com a derrota, mas sim para buscar evoluir a cada vez que competia. “Quanto eu perdia, eu tentava analisar o que tinha dado errado e como podia melhorar da próxima vez”.

Como empreendedores este aprendizado também deve fazer parte da nossa visão de negócios, uma vez que precisamos ser ágeis para resolver os problemas e inteligentes para transformá-los em oportunidades. Se, por exemplo, um projeto ou ideia não deu certo, pense no que você pode fazer de diferente para não fracassar de novo. Tenha sempre em mente onde e como você pode melhorar como gestor e líder, visando sempre à evolução contínua do seu empreendimento.

Aprender a Delegar Traz Equilíbrio à Vida Pessoal e Profissional

 

Para a maioria dos empreendedores, principalmente no início do negócio, conquistar o equilíbrio entre a vida profissional e pessoal, parece até mais difícil do que fazer a própria empresa ter sucesso. Entretanto, Jorge Paulo Lemann defende que isso é importante para ter qualidade de vida e, que isso só se torna possível a partir do momento em que você aprende a delegar.

Certo equilíbrio é importante. Delego muito: nunca fiz questão de ser o cara que fazia tudo. Gastei mais tempo escolhendo e formando gente muito boa, para eventualmente dar oportunidades a eles e ter mais tempo para mim.”

Portanto, se você contrata e forma, profissionais competentes, não precisa executar todas as tarefas, consegue encontrar tempo para se concentrar nas estratégias de crescimento da sua empresa e também para a sua vida pessoal.

Este é apenas um resumo das ideias de Jorge Paulo Lemann, um dos maiores empresários do Brasil e do mundo. Com certeza, suas lições são inspiradores e nos fazem refletir sobre nosso papel como empreendedores e também sobre as competências, habilidades e, especialmente, sobre a mentalidade de negócios que precisamos desenvolver para fazer com que a nossa empresa possa ter sucesso e longevidade.