Carreira e Filhos: Como conciliar?

Carreira e Filhos: Como conciliar?

O desafio para as mães empreendedoras é duplo, pois tem duas frentes em que precisam se dedicar buscando o sucesso profissional e pessoal. Educar os filhos pode ser uma tarefa tão complexa quanto gerir um empreendimento. Contudo, muitas mulheres têm investido nessa dupla jornada com muito brilho e assertividade. Afinal, se você decide fazer duas coisas pelas quais têm paixão ao mesmo tempo se compromete a fazê-las bem.

Mães empreendedoras: 6 Dicas de como conciliar a carreira e a educação dos filhos

Abrir um negócio próprio pode ser uma jornada semelhante a ter um filho, pois também demanda muita dedicação e tempo para investir no crescimento e consolidação da sua ideia. Nesse contexto pode parecer assustador optar por ser mãe em paralelo a esse turbilhão, no entanto, 74% das empreendedoras brasileiras fez essa escolha.

Para muitas a possibilidade de ter horários flexíveis é o que mais conta na troca da carteira assinada pelo CNPJ. Se você está pensando em seguir esse caminho é interessante conferir as dicas que listei a seguir para conseguir conciliar sua carreira empreendedora e a educação dos seus filhos.

1 – Seu negócio deve ser rentável e bem posicionado

O primeiro tópico dessa lista de dicas fala a respeito de um dos principais erros que mães empreendedoras cometem ao se inserir no mercado sem tanta experiência. Embora o objetivo principal de muitas dessas empreendedoras seja poder buscar o filho na escola e estar com ele durante o dever de casa não se deve esquecer que o seu negócio próprio não deve ser visto somente como uma alternativa a carteira assinada, precisa ser potencial.

Pense bem antes de escolher o segmento em que pretende atuar encontrando dessa maneira opções que sejam passíveis de bons rendimentos. Sua companhia precisa se tornar próspera a longo prazo. Além disso, é essencial que a atividade comercial a ser realizada desperte sua paixão para não se tornar um fardo. Tenha um planejamento detalhado antes de entrar no mercado.

2 – Aproveite sua capacidade de negociação

Se tem algo que as mães exercitam todos os dias é a capacidade de negociação, pois mesmo adorando os filhos não dá para dizer sim a tudo, não é mesmo? Aproveite essa característica para conseguir negociar mais e melhor com os colaboradores da sua companhia. Ao mesmo tempo em que você educa seus filhos com limites necessários também se torna uma pessoa mais conciliadora e que consegue extrair das pessoas a sua volta o melhor.

3 – Estabeleça metas no trabalho

Algo que vai se mostrar extremamente difícil nessa dupla jornada é conciliar os momentos em que seus filhos estão doentes e a rotina de trabalho. A dificuldade está no fato de saber que não será possível estar 100% do tempo próxima ao leito do filho. Para essas situações é essencial que se tenham metas previamente estabelecidas para o seu empreendimento, quanto mais comprometimento se tem com o trabalho mais fortalecida você fica.

Lembre-se ainda que sempre é possível organizar as suas tarefas para que sejam realizadas no home office alguns dias da semana, assim quando aquela febre imprevista surgir você estará pronta. Ao se manter trabalhando durante essas crises você estará ensinando responsabilidade para as crianças.

4 – Demonstre sua felicidade no trabalho para seus filhos

O entendimento de que o trabalho da mãe é importante e precisa ocupar parte do tempo dela é essencial para que os filhos cresçam com noção de responsabilidade e independência. As mães devem evitar ao máximo que as crianças sintam que estão perdendo o tempo que poderiam passar com elas para ‘atividades de adulto’ que servem única e exclusivamente para gerar renda. O trabalho deve ser apresentado como algo que contribui para a felicidade da mãe, o que a faz ser completa.

5 – Tire um tempo somente para seus filhos

Quem decide empreender sabe que em muitos casos não há hora e nem lugar para tratar de negócios, porém, seus filhos precisam ter momentos em que sejam prioridade. Isso quer dizer ter momentos em que o celular permanece desligado ou no silencioso, ter um tempo para passear tranquilamente. Esse tempo também tem uma função primordial para as mães uma vez que elas precisam se distanciar um pouco do ambiente profissional para descansar a mente.

6 – Estabeleça uma estrutura para atender aos filhos

Essa é uma dica valiosa especialmente para as mães empreendedoras que sentem que não conseguem dar conta de fazer tudo o que os filhos necessitam e ainda administrar uma empresa. Contar com pessoas de confiança como babás e serviços de transporte, por exemplo, pode fazer toda a diferença, pois permite que a criança tenha mais atividades em seu dia a dia assim como te deixa tranquila quanto a sua segurança. Pense numa estrutura que funcione de acordo com seu estilo de vida de maneira que nem seus filhos e nem você percam nada.

Você é uma mãe empreendedora? Deixe seus comentários a seguir e compartilhe suas experiências!

Copyright: exame.abril.com.br