Vontade de Largar Tudo? Resista diante das Dificuldades

Vontade de Largar Tudo? Resista diante das Dificuldades

Tornar-se um empreendedor exige muita persistência, pois em muitos momentos surgirá o desejo de largar tudo, e é essencial se manter forte e inabalável. Atravessar dificuldades é bastante recompensador, pois oferece um arcabouço de experiências que nenhuma formação universitária poderá dar. Não se engane pensando que grandes nomes do setor empresarial como Steve Jobs, por exemplo, acertaram em todas as jogadas que fizeram para a construção de seus impérios.

Saiba mais sobre empreendedorismo para pequenas e médias empresas! Inscreva-se no meu canal. Inscreva-se agora!

Vencendo a Vontade de Largar Tudo

Um empreendimento geralmente é o resultado de muito trabalho e de sonhos do proprietário. Por isso tenho certeza de que o desejo de fugir só aparece quando a situação está realmente complicada. Observar a clientela diminuindo, as contas se acumulando e o negócio ruindo não é nada agradável, porém, o empreendedor deve ter em mente que dificuldades surgem no caminho de todos e o que diferencia os bem-sucedidos daqueles que fecham as portas é a coragem de continuar enfrentando desafios.

Como Aproveitar o Conhecimento Adquirido Com as Dificuldades

Como citei acima a vontade de largar tudo aparece nos momentos mais críticos e o empreendedor deve ser forte para continuar lutando. Uma forma de resistir é compreender que toda dificuldade é uma oportunidade disfarçada – não se trata apenas de uma frase de efeito – pois, pode ajudar a mudar os rumos da companhia assim como ensinar lições valiosas. Confira abaixo os aprendizados mais importantes advindos de uma situação difícil.

1 – Conhecer e evitar os erros de principiante

A fase mais difícil para um empreendedor com certeza é a de abertura do negócio. Os primeiros anos vêm acompanhados de incertezas que podem direcionar o empresário para caminhos errados. Num cenário crítico o melhor é sentar e analisar com calma quais foram os erros que levaram a tal situação. Quando uma lição nos é ensinada num momento de dificuldade raramente nos esquecemos. Ao se defrontar novamente com uma situação semelhante provavelmente o empreendedor terá mais ferramentas para sair das complicações.

2 – Capacidade de planejamento

Ao abrir uma empresa o empreendedor de primeira viagem dificilmente sabe o que o espera. Alguns problemas só se tornam claros quando se apresentam no caminho do sucesso. A partir da vivência dessas situações o empresário adquire maior capacidade de planejamento e tem uma visão estratégica baseada em fatos reais.

Já ter passado por situações de quase falência, por exemplo, torna o dono da companhia mais treinado para saber quando enfrentará momentos de quedas de vendas ou um cenário econômico menos favorável. Esse conhecimento permite que se tenha um plano de contenção para colocar em prática quando for necessário.

3 – Desenvolvimento de uma visão mais realista do mercado

A abertura do primeiro negócio geralmente vem acompanhada de uma visão romanceada do que é atuar no mercado e conforme as dificuldades vão surgindo é natural que esse sentimento vá sendo deixado de lado. A paixão pelo trabalho que está sendo realizado é importante, mas o subjetivismo não pode dominar.

Os clientes estão mais críticos devido a possibilidade de comparação com outras empresas e com isso é esperado que o atendimento oferecido seja o melhor possível. O empreendedor que passa por problemas acaba se tornando mais preparado, então quando estiver pensando em largar tudo que construiu por ter dificuldades se lembre que elas são a base para o seu crescimento.

4 – Percepção do entorno e não apenas da própria empresa

Empreender é como ter um filho, há muito amor e dedicação envolvidos no processo. Desse ponto de vista é fundamental que o empresário passe por dificuldades para que consiga encontrar o equilíbrio entre olhar somente para dentro da organização e não conseguir enxergar o seu entorno. O principal recado a ser dado é que se deve evitar focar somente na paixão que se tem pela empresa em detrimento das questões práticas do mercado.

5 – Aprimoramento de suas relações empresariais

Boa parte dos casos de dificuldades enfrentadas por empreendedores tem ligação com uma escolha infeliz de sócios ou mesmo com a incapacidade de dissociar relações empresariais e familiares. Quando as situações limites vão acontecendo o empresário aprende na prática o que pode e não pode fazer. Lembre-se ainda que mesmo se um dos sócios deixar o negócio não significa que o mesmo precisa chegar ao fim.

Deu Tudo Errado e Agora?

Após passar por uma situação difícil muitos empresários decidem largar tudo e retomar suas vidas profissionais como colaboradores em companhias de terceiros. Não há nada de errado em voltar a ser funcionário, o que não pode acontecer é se sentir infeliz com essa escolha. Se a sua paixão está realmente em ter o seu próprio negócio não deixe que percalços do caminho te desviem. A palavra de ordem para quem decide ser empreendedor é resistência para se manter no mercado mesmo quando está contra.

As dicas te ajudaram a observar as dificuldades com menos temor? Então compartilhe com seus conhecidos!

Tudo que o empreendedor precisa saber no meu canal do youtube! Inscreva-se agora!