Consultoria Financeira para empresas - O que saber?

Consultoria Financeira para empresas - O que saber?

Empresas de pequeno porte demandam tantos cuidados administrativos quanto grandes corporações e por isso pode ser válida a contratação de um serviço de consultoria financeira para alcançar estabilidade, planejar o crescimento e se consolidar numa posição de destaque diante da concorrência com diferenciais competitivos. Porém, antes de realizar essa contratação é necessário estar atento a alguns tópicos.

7 Coisas para saber antes de contratar uma consultoria financeira para pequenas empresas

Os gestores de companhias de pequeno porte precisam tomar decisões importantes todos os dias e contratar serviços, como o de consultoria financeira, é uma delas. Se por um lado é muito positivo contar com um auxílio na gestão das contas do negócio pode representar certo impacto realizar esse investimento. A seguir vou explanar sobre o que os gestores precisam saber antes de realizar essa contratação.

1 – Entender o que é consultoria financeira

O primeiro tópico relevante é saber do que se trata o serviço terceirizado de consultoria financeira, basicamente diz respeito à análise e orientação oferecidas por um profissional da área de administração financeira que tem ampla experiência para detectar oportunidades e ameaças.

Esse especialista consegue identificar problemas que para leigos passariam despercebidos assim como traçar estratégias assertivas com foco no crescimento da organização. O consultor financeiro ainda pode ajudar a estabelecer métodos válidos de mensuração para a verificação da assertividade das atividades realizadas.

2 – Comprometimento

Para que o serviço de consultoria seja realmente eficaz é crucial que a empresa se comprometa a trabalhar com seriedade e transparência na entrega dos dados solicitados. Além disso, o gestor deverá estar preparado para participar de diversas reuniões, afinal a consultoria precisa conhecer a fundo o sistema financeiro da companhia.

Ao longo do processo muitas dúvidas precisarão ser esclarecidas, os dois lados devem ter muita paciência. O administrador do negócio precisará fornecer dados como lucro, custos de produção, custos de manutenção de ponto de venda, estoque entre outros. Somente com dados baseados na realidade o consultor poderá realizar o seu trabalho.

3 – Escolha uma boa consultoria financeira

A qualidade do serviço prestado está intimamente ligado a eficiência com que a terceirizada trabalha. Na hora de escolher a prestadora de serviço é essencial levar em consideração outros critérios além do preço. Verifique a reputação da companhia no mercado e se possível busque por indicações.

4 – Para quem a consultoria financeira é válida?

Esse serviço pode ser bastante benéfico para organizações de diferentes setores de atuação, pois tem como base colocar as finanças em dia. Há um grande número de pequenos empreendimentos que enfrentam verdadeiras crises financeiras por descuidos na gestão e que a médio e longo prazo podem acabar fechando as portas. Certos problemas financeiros podem ser evitados e/ou remediados com facilidade.

Os empreendedores devem observar criteriosamente como está o andamento das finanças de suas companhias e se perceberem que estão com dificuldades para fazer o caixa bater devem procurar por uma consultoria financeira. Na realidade todos os negócios deveriam contar com um serviço de consultoria financeira de tempos em tempos para identificar riscos em potencial para a sua boa gestão.

5 – Resolução de impasses

A consultoria financeira pode funcionar como uma ajuda na resolução de impasses como se é ou não o momento de investir no crescimento da estrutura ou de se inserir em novos mercados. Algumas decisões fundamentais precisam ser tomadas com total segurança de que se está pisando em terra firme. O consultor financeiro pode ajudar a chegar a respostas mais assertivas a esse respeito.

6 – Vantagens de contratar uma consultoria financeira

A principal vantagem de contratar um serviço de consultoria financeira com certeza é realizar um planejamento com base na realidade do mercado. Muitos pequenos negócios não têm uma estratégia de atuação e isso faz com que acabem se perdendo deixando para trás boas oportunidades.

Também se destaca como uma vantagem a potencial identificação de eventuais problemas financeiros que podem não ser fáceis de perceber no presente, mas que no futuro podem significar fechar as portas. Como mencionei acima a consultoria pode ainda contribuir para que o gestor tome decisões mais assertivas sobre investimentos em projetos de expansão.

7 – Custos da contratação de consultoria financeira

Certamente os custos da contratação da consultoria financeira é algo que interessa e muito aos gestores de pequenos negócios. Embora demande algum investimento devo esclarecer que sai mais em conta do que ter funcionários internos com especialização em finanças.

Além disso, os colaboradores internos não têm a visão de fora que uma companhia terceirizada traz e que pode fazer toda a diferença em termos de assertividade e alinhamento com a situação atual do mercado. Esse profissional está em contato com diferentes situações mercadológicas e tem acesso a outras dinâmicas.

Gostou de saber mais sobre o serviço de consultoria financeira para empresas de pequenos porte? Deixe seus comentário abaixo!

 

Copyright: 1498236335 – https://www.shutterstock.com/pt/g/fizkes