É possível cortar gastos sem ter que demitir ninguém.

É possível cortar gastos sem ter que demitir ninguém.

Empresas que desejam se manter competitivas e produtivas mesmo em tempos de crise precisam descobrir a receita de como cortar gastos sem demitir colaboradores, pois ter menos força de trabalho não ajudará na superação das dificuldades. Existe uma cultura errônea no meio empresarial que enxerga no corte de pessoal uma saída para um momento de baixa do mercado. Demitir, além de não ajudar, não é a única solução possível, descubra como mudar esse cenário.

É Possível Cortar Custos Sem Demitir?

Como já disse acima, é possível reduzir os custos de uma companhia sem precisar demitir a força de trabalho que impulsiona os bons resultados no mercado. Na verdade, quando o gestor faz uma avaliação completa dos custos, identifica pontos menos frágeis que podem passar por otimizações.

Muitas organizações descobrem nesses momentos que vinham gastando mais do que precisavam em muitos setores. Aproveitar uma crise como oportunidade de aprendizado e melhoria é a maneira mais inteligente de sair de um cenário problemático.

Como Cortar Custos Sem Demitir

A seguir vou apresentar os principais setores da sua companhia que podem passar por otimizações que irão cortar custos sem ter que reduzir a força de trabalho.

Invista num software de gerenciamento financeiro

Alguns empresários optam por demitir funcionários quando têm a certeza de que estão perdendo dinheiro, mas não conseguem identificar o ponto exato em que isso acontece. A solução mais simples e menos traumática para a companhia é investir num software de gerenciamento. O programa ajudará a verificar entradas e saídas permitindo compreender qual é o processo que desencadeia as perdas reais.

Faça uma análise de pontos altos e baixos de vendas

A partir do momento em que uma organização completou um ano no mercado, já tem base para saber quais são os períodos mais fracos e mais fortes de vendas. Faça um estudo dos anos anteriores e verifique em quais meses as vendas apresentaram queda e em quais se elevaram. Com esses dados é possível negociar com mais eficiência com seus fornecedores estabelecendo prazos de pagamento que serão cumpridos. Assim a sua empresa evita o acúmulo de juros devido a atrasos.

Verifique o custo dos planos de telefonia e internet da empresa

Pode parecer curioso, mas são poucos os gestores que fazem a verificação dos valores gastos pela organização com planos de telefonia e internet numa situação de crise. São vários os casos de companhias que estão há anos com os mesmos planos, sendo que suas necessidades mudaram ao longo do tempo. Talvez seja possível conseguir um valor mais em conta cortando alguns serviços que atualmente não são mais relevantes para o dia a dia de trabalho.

O gestor deve investir algum tempo em pesquisar os novos combos e promoções disponíveis. Mudar de fornecedor pode ser uma alternativa para ter mais competitividade. Algumas horas de estudo podem resultar numa economia mensal significativa que somada a outras atitudes ajuda a evitar demissões.

Utilize ferramentas de marketing digital

Conhecido como novo marketing, o marketing digital demanda investimentos bem menores do que aqueles feitos em mídias tradicionais e pode ser bem mais eficiente. Para que sua companhia prospere na internet é importante ter pelo menos um perfil em rede social e manter um bom relacionamento com os seus clientes online, coisas simples que podem ser feitas por um profissional interno que tenha capacitação para tal.

Faça uma pesquisa de novos fornecedores

Se a situação econômica não está fácil para a sua companhia, saiba que para os fornecedores também não. Esse pode ser o momento ideal para buscar por novas alternativas, pois é possível negociar prazos melhores para pagamento e até mesmo alguns descontos. Outra ação que impacta em economia para a sua empesa é se unir com uma concorrente para ter maior poder de barganha junto ao fornecedor, as duas ganham. Com essa opção se tem inclusive redução dos gastos logísticos.

Incentive o engajamento dos colaboradores na economia

Uma vez que o corte de custos objetiva evitar demissões, nada mais justo que seus colaboradores se engajem em trabalhar com mais assertividade e reduzindo os gastos, não é mesmo? Faça uma reunião com os seus funcionários explicando a situação da companhia e as dificuldades do mercado.

Deixe claro que toda economia – por menor que seja – contribui para que cenários piores e mais catastróficos não cheguem à corporação. Passar a enviar relatórios apenas digitais (reduz o gasto com papel e tinta de impressora), levar sua própria caneca (evita o uso de copos de plástico), apagar sempre as luzes ao sair entre outras atitudes representa um esforço positivo para os cofres da organização.

Enfrentar uma crise financeira não é nada fácil, porém, é um momento em que a companhia pode reavaliar os seus gastos chegando a soluções mais assertivas que além de evitar demissões no presente podem representar crescimento no futuro.

Copyright: 259177994 – https://www.shutterstock.com/pt/g/palto