A mão de obra qualificada e fundamental para o sucesso de uma organização.

A mão de obra qualificada e fundamental para o sucesso de uma organização.

O capital humano está no topo da lista de recursos mais valiosos de uma empresa, a seleção de mão de obra qualificada é fundamental para o sucesso de um empreendimento, contudo, muitos empresários ainda restringem seus critérios de recrutamento a profissionais com pretensões salariais baixas e com pouca ambição de crescimento. Prezar pela qualidade dos profissionais que integrarão o seu quadro de colaboradores é essencial para conseguir resultados mais positivos a longo prazo.

Processos de Recrutamento e a Mão de Obra Qualificada


O primeiro ponto que devemos abordar quando falamos a respeito de mão de obra para uma companhia é o do recrutamento, isto é, o processo de escolha dos indivíduos que irão compor o quadro de funcionários. Como citei acima uma das grandes dificuldades que temos, atualmente, no mercado é a de que muitos gestores visam o máximo de economia para realizarem essas contratações e isso acarreta em grupos de profissionais com pouca qualificação e incapaz de resolver os problemas que o mercado apresenta.

Sem pensar a respeito da relevância de ter profissionais melhor preparados para assumir cargos chave na companhia, esses gestores, acabam não desenvolvendo planos de investimento em capacitação. Os profissionais que já não estavam preparados para as funções que estão assumindo não têm nem mesmo a chance de adquirir esse conhecimento. Vale dizer que a economia que os gestores acreditavam estar fazendo no momento da contratação se reflete em sérias dificuldades de manter esse empreendimento competitivo futuramente.

Mão de Obra Despreparada e Baixa Produtividade


A pequena economia feita no momento da contratação de indivíduos menos preparados para as funções que irão assumir se torna um grande gasto futuro para tentar remediar a baixa produtividade. As pessoas que trabalham na sua companhia têm um papel essencial para o sucesso da sua atividade empresarial, elas são as engrenagens que movem a sua marca rumo a um lugar de destaque no mercado.

A partir do momento que a equipe da organização não consegue atender a demanda produtiva se torna necessário investir em treinamentos e/ou contratar mais colaboradores. Colocando os dados na ponta do lápis os gestores perceberão que estão gastando muito mais para remediar as consequências de ter contratado mal do que para selecionar os indivíduos mais preparados que eventualmente pedirão salários um pouco mais altos.

Investimento em Capacitação e Treinamento


Esse é um dos pilares das empresas que têm maior taxa de crescimento no mercado, pois mesmo já contando com profissionais acima da média em sua equipe é essencial investir em programas de capacitação e treinamento. Todos os dias surgem novidades em todos os setores e as companhias devem estar atentas a elas para que possam incorporá-las com sucesso. Usei a palavra investimento porque custear a capacitação dos seus funcionários é uma forma de investir capital e ter dividendos a curto e médio prazo.

Para começar a sua organização terá mão de obra qualificada disponível para resolver as demandas mais significativas do dia a dia assim como se tornará mais competitiva diante da concorrência que por ventura não tenha a mesma preocupação. Além disso, os colaboradores tendem a se manter por mais tempo empregados em companhias que demonstram interesse em investir neles. A redução da rotatividade gera uma economia significativa para a sua empresa tanto em termos de menos processos de recrutamento como menor desgaste por desligamentos e novos treinamentos.

Reconhecimento dos Talentos


As empresas que reconhecem os talentos que têm em seus quadros conseguem maior empenho dos colaboradores assim como reduzem os custos com novas contratações. Ao ter uma cultura de oportunidades de crescimento interno estabelecida dentro da organização os funcionários naturalmente se tornam mais abertos para oferecer o seu melhor desempenho.

É muito frustrante estar empregado numa companhia que toda vez que abre um cargo de liderança ou com remuneração mais elevada abre processo de seleção externa. Quando se tem programas que permitem a capacitação dos indivíduos de todos os níveis hierárquicos se constrói uma noção real de oportunidade. Todo mundo deseja crescer profissionalmente, mas para isso necessita de chances.

Repense Seu Sistema de Recrutamento


Tendo entendido a importância de ter mão de obra qualificada na sua organização você provavelmente está pensando a respeito dos pontos falhos no seu sistema de recrutamento atual. Um dos principais erros cometidos pelas micro e pequenas empresas é não ter critérios para escolher os indivíduos que serão contratados. O fato de alguém ser seu familiar ou conhecido não o torna qualificado para algum cargo no seu negócio.

É crucial dissociar o relacionamento pessoal do sistema de recrutamento da sua companhia. Também é essencial deixar de lado noções falhas a respeito de economia de curto prazo escolhendo os indivíduos com menores pretensões salariais. Procure sempre quem pode agregar mais valor à sua organização, em relação aos salários tente uma negociação, mas não esqueça que mão de obra qualificada custa mais, mas oferece melhores resultados.

Como sua empresa faz a seleção da sua mão de obra? São considerados critérios qualitativos?

Saiba mais sobre mão de obra qualificada para pequenas e médias empresas e assuntos relacionados! Inscreva-se no meu canal. Inscreva-se agora!