Entenda como funciona o sistema de Marketplace

Entenda como funciona o sistema de Marketplace

Num momento histórico, em que a internet domina diferentes áreas de nossas vidas, o Marketplace adquire uma dimensão muito mais poderosa, pois é a ferramenta que mais tem impulsionado as vendas em ambiente online. Conhecer o conceito, compreendendo as suas diferenças em relação a e-commerce é essencial para quem está em busca de crescimento exponencial no mercado com um investimento menos proeminente.

O Que é Marketplace?

Há uma grande confusão entre o conceito de Marketplace e e-commerce, embora ambos tenham como foco a venda online é essencial que se aprenda a dissociá-los enxergando as suas particularidades. A base do Marketplace está na união de companhias distintas numa mesma plataforma de vendas online permitindo assim que o consumidor tenha acesso aos produtos/serviços de todas no mesmo espaço.

O principal exemplo que temos no Brasil é o do Grupo B2W que é resultante da fusão das Lojas Americanas, Livraria Saraiva, Walmart e Submarino. Para que fique mais claro imagine a seguinte situação, João é um consumidor interessado em comprar uma câmera fotográfica e entra no site da loja X para fazer sua busca. Dentre as opções listadas pelo site há uma que lhe interessa mais e ele faz o pedido, contudo, o produto é da loja Y que também será a responsável pela entrega.

O objetivo do Marketplace é tornar mais fácil o acesso aos produtos de diferentes lojas parceiras alavancando a venda de todos os participantes. O consumidor sai ganhando porque tem mais rapidez para fazer buscas comparativas de preços. Não é mais necessário ir de site em site para chegar ao seu produto favorito. O processo de pagamento também se torna mais seguro.

Shopping Center Online

Podemos ainda definir o conceito de Marketplace com uma imagem de mais simples compreensão, uma vitrine de shopping center online. Basicamente há produtos de várias lojas em exposição para que os interessados escolham seus favoritos.

Como Funciona o Sistema de Marketplace?

Quem se interessou pelo Marketplace para aumentar as suas vendas deve saber que se trata de um processo relativamente simples, em que basta fazer o cadastro da sua companhia, assim como dos seus produtos, numa base que atua com esse sistema. Os produtos que estão cadastrados passam então a ser divulgados para os consumidores potencialmente interessados utilizando para isso dados de pesquisas realizadas por eles.

Observe que a organização gestora do Marketplace cobra a sua comissão sobre as vendas realizadas. Esse valor pode variar entre 9,5% e 30% da venda sendo proporcional ao tamanho da divulgação realizada, isto é, quanto maior a divulgação maior será a comissão cobrada. Esses dados devem ser adequadamente avaliados antes de aderir ao Marketplace para conhecer a sua visibilidade.

Questões Que Devem Ser Consideradas

Abaixo vou explicar um pouco melhor quais são as questões que os empresários devem considerar antes de escolher o sistema de Marketplace para divulgar os produtos de sua companhia.

1 – Margem de Lucro

Observe qual é a margem de lucro do produto que será comercializado e analise se o valor da comissão não irá reduzir consideravelmente os ganhos da sua empresa. Em alguns casos não vale a pena utilizar o sistema de Marketplace porque os lucros são tão reduzidos que não são mais positivos.

2 – Aumento do volume de vendas

Para ter certeza de que o investimento em Marketplace compensa para a sua organização observe qual é o aumento do volume de vendas esperado. Obviamente o gestor somente saberá se essa meta foi alcançada ao analisar os primeiros dados posteriores a adesão ao sistema. Mantenha esse processo de conferência sendo realizado para saber até onde os resultados estão favorecendo a sua companhia.

3 – Conheça os prazos de liberação da base do Marketplace

Os interessados em aderir a uma base de Marketplace devem saber que terão um prazo para receber os valores dos produtos vendidos que pode variar entre 02 e 45 dias que passam a ser contados a partir da data de entrega do pedido ao consumidor. Trata-se de uma condição de segurança que o administrador do Marketplace impõe para ter certeza de que a loja vai entregar o produto. Você deverá fazer uma análise completa da viabilidade financeira com detalhes para saber se é válida a implementação desse sistema.

4 – Escolha do Marketplace perfeito para a sua companhia

No momento de aderir a uma base de Marketplace observe que é necessário conhecer o perfil da mesma, pois ele pode variar em termos de público impactado. Dependendo dos produtos que a sua empresa comercializa e pode ser que um ou outro sistema seja mais assertivo, porém, você só saberá ao fazer uma pesquisa prévia do perfil dos clientes impactados.

5 – Conheça e siga as políticas e termos de uso

Quando uma empresa se integra a uma plataforma de Marketplace precisa se adequar a mesma, isto é, seguir as suas políticas e termos de uso. Do contrário os usuários poderão denunciar a sua loja por descumprimento e com isso gerar o desligamento da base e outras punições mais severas.

Gostou de saber mais sobre o que é Marketplace? Deixe seus comentários!

 

Marketplace e assuntos relacionados. Acompanhe o meu canal e fique por dentro. Inscreva-se agora!