Saiba como criar uma marca forte

Saiba como criar uma marca forte

Saber como criar uma marca forte e que permaneça a longo prazo na lembrança das pessoas não é algo concernente somente a grandes empresas. Todo empreendimento, independente do seu tamanho, deve atentar para a criação de diferenciais que permitam se posicionar com mais firmeza diante do seu público. Há sempre dois caminhos a seguir, oferecer o menor preço ou ser uma marca diferente das demais.

5 Dicas de como criar uma marca forte e que permaneça na lembrança do público

Pense comigo qual é o único ativo da sua companhia que não pode ser copiado? Se você respondeu a marca saiba que está certo. Num mercado em que a concorrência está mais acirrada do que nunca ter uma marca diferenciada é crucial. Confira a seguir as 5 dicas que listei para a criação de uma marca forte e que terá mais chances de se manter na lembrança do público.

1 – Atenção ao escolher o nome da empresa

Tudo começa com a escolha do nome ideal para a sua organização, quando estiver pensando em como o negócio irá se chamar deixe de lado o desejo de estampar o seu sobrenome na fachada ou usar as iniciais dos sócios para criar uma sigla que não diga nada sobre os produtos/serviços.

O nome deve ser claro e objetivo transmitindo a essência do que a organização faz além de ser memorável. Atenção para as questões práticas que transpassam a criatividade como a possibilidade de registrar esse nome junto ao Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (Inpi). Para isso faça uma pesquisa prévia para saber se já não existem empresas com nomes iguais ou parecidos no mercado.

2 – Tenha um posicionamento de marca bem definido

Responda rápido, o que faz a sua companhia melhor do que as concorrentes? Por que os consumidores preferem os seus produtos/serviços em detrimento das demais opções? Conhecer a resposta para essas perguntas é o que te ajudará a posicionar a sua marca com mais efetividade no mercado.

Muitos gestores promovem a reformulação de seus produtos/serviços sem se dar conta de que na verdade o que não está indo bem é a sua marca e como ela se apresenta ao público. O posicionamento, isto é, a maneira como ela se consolida no mercado faz toda a diferença na decisão de compra.

Se estiver em dúvida sobre o que é o diferencial da sua companhia pergunte aos consumidores, colaboradores, fornecedores enfim todos que participam de alguma maneira do empreendimento.

3 – Identidade de marca vai além do gráfico

Quando se fala sobre identidade de marca é natural pensar no uso de uma paleta de cores e do logotipo em todos os materiais gráficos (o que é importante), porém, vai muito além desse viés. O discurso dos funcionários e a percepção dos clientes devem estar alinhados com a imagem criada para a companhia.

A padronização que começa na fachada da companhia e se estende para vieses subjetivos como a opinião das pessoas é essencial para a criação de uma marca forte. Ressalto que os gestores devem prestar atenção na forma como o seu empreendimento pode atender essa necessidade de padronização de identidade, nem sempre é possível fazer como as concorrentes de maior porte, porém, com empenho é possível ter uma empresa coerente com seu discurso e imagem.

4 – Tenha um logotipo com bom design

Investir na contratação de um profissional ou de uma agência de publicidade ou design é interessante para ter um logotipo com um visual mais profissional. Quanto mais bem desenhada for a sua marca mais passará ao seu público uma imagem de qualidade. Design amador faz com que o consumidor se sinta apreensivo em relação ao negócio.

Para quem não tem como fazer o investimento em design recomendo apostar no uso de uma tipografia que esteja alinhada com o seu público-alvo e sem muito rebuscamento. Evite o uso de formas e desenhos desnecessários e por fim faça testes de legibilidade da marca, aumente e diminua ao máximo para ver se continua tendo sentido e sendo passível de leitura.

5 – Defina uma paleta de cores

Citei a paleta de cores no tópico 3 como não sendo a única preocupação válida para a criação de uma identidade forte, no entanto, ela também tem sua relevância. As cores usadas nas embalagens, site e até nos ambientes físicos das companhias conversam com os públicos transmitindo sensações. Escolha um conjunto de cores que esteja alinhado com a proposta dos seus produtos/serviços.

Em alguns casos até pode ser válido usar algumas cores iguais aos dos concorrentes, mas tenha atenção para não copiar a identidade visual deles. O consumidor não irá gostar da sua marca se levá-la para casa por engano porque se confundiu no supermercado, por exemplo. O público costuma ser bastante rígido com cópias de marca.

Gostou dessas dicas de como criar uma marca forte? Deixe seus comentários abaixo! 

Copyright:502146709 – https://www.shutterstock.com/pt/g/jacoblund