Dicas para controle da folha de pagamento de sua empresa

Dicas para controle da folha de pagamento de sua empresa

Toda organização que deseja ser bem-sucedida precisa ter uma boa administração financeira para não enfrentar problemas e, no futuro, ser obrigada a fechar as portas. Isto, claramente, é o que todo empresário e empreendedor quer evitar, caso contrário, o negócio não tem razão de ser, não é mesmo? Por isso, um dos pontos que devem ter grande atenção em uma empresa é a folha de pagamento, que precisa ser bem controlada para não causar prejuízos ao negócio como um todo.
 
Digo isso, pois o alto gasto com o pagamento dos funcionários pode acabar lhe impedindo de investir em novas soluções para fazer o seu negócio alcançar patamares ainda mais elevados no mercado competitivo em que nos encontramos atualmente. Sendo assim, algumas dicas são primordiais para que você não caia nessa armadilha e impeça que a sua empresa continue prosperando em 2017. Confira abaixo:
 

Organização é essencial

 
Ter todos os detalhes ao alcance da mão é fundamental para administrar de forma eficiente a sua folha de pagamento, pois isso lhe permitirá ter mais controle de como estão sendo realizados os gastos com funcionários na sua empresa. Nesse sentido, algo que vai ajudá-lo bastante é organizar todas as informações relacionadas aos seus colaboradores é uma simples planilha do Excel ou em algum software próprio para isso.
 
Quando digo todas as informações, me refiro às mais básicas, como nome completo, data de nascimento, de admissão, até às mais detalhadas, como valor do salário, benefícios, gratificações, data de férias, e assim por diante. Isso também lhe permitirá ter uma visão sistêmica da porcentagem que a folha de pagamento consome do faturamento de sua empresa e quanto poderá sobrar para você fazer investimentos ou reservar caso surja alguma situação emergencial.
 

Invista em um plano de cargos e salários

 
Se você ainda não tem, está na hora de começar a elaborar um bom plano de cargos e salários para a sua empresa. Dessa maneira, você poderá definir com eficiência o valor que pagará a cada colaborador e também se manterá prevenido no momento em que precisar fazer aumentos salariais ou realizar promoções, que geralmente acontecem todos os anos ou com certa frequência em grande parte das organizações.
 
Uma hora ou outra o cálculo da sua folha de pagamento vai precisar ser atualizado, devido a estas mudanças salariais, e o que vai ajudá-lo a se planejar com relação a isso, é o plano de cargos e salários, que você, junto ao departamento de Recursos Humanos, deve elaborar.
 

Seja cauteloso

 
Contratar novos colaboradores também é um investimento necessário para fazer a sua empresa crescer, afinal você precisa de bons profissionais para lhe ajudar a tornar o seu negócio cada vez mais bem-sucedido. Acontece que é preciso fazer uma análise prévia antes de qualquer contratação, com o objetivo de compreender se estas não vão impactar negativamente em sua folha de pagamento, bem como no seu faturamento.
 
Sendo assim, verifique como o time que você tem hoje pode ajudá-lo a conquistar ainda mais, sem a necessidade de trazer novos membros, ou seja, como você pode aumentar sua eficiência operacional. Talvez realocações de colaboradores de uma área para outra, ou de cargos e funções, pode ser uma boa saída para solucionar esta questão e lhe dar um prazo maior para fazer novas contratações ou aumentar o salário da equipe.
 
Por falar em aumento salarial, este é outro cuidado que você precisa ter também para não trazer prejuízos desnecessários à sua empresa. Caso você esteja dentro da porcentagem ideal da sua folha de pagamento, é possível pensar em aumentar o salário de alguns colaboradores. Do contrário, é melhor aguardar o momento mais adequado para isso.
 

Uma alternativa diferente

 
Quantas empresas você conhece que investem em educação financeira para seus funcionários? Acredito que poucas. Mas esta é uma boa alternativa para você controlar e administrar os gastos com a sua folha de pagamento, pois a partir do momento que seus colaboradores aprendem maneiras eficazes de economizar, gastando o salário de forma consciente e sustentável, eles irão, automaticamente, ajudá-lo a também fazer isso em sua empresa, já que não haverá a necessidade de realizar aumento salarial, pelo menos por um período.
 
O que você pode fazer, é investir em cursos, treinamentos e workshops, que podem ser inclusive de curta duração, sobre educação financeira, gestão de finanças pessoais, como fazer o dinheiro render mais, e assim por diante. Esta é uma solução simples e eficiente, capaz de dar um bom respiro ao seu negócio e à sua folha de pagamento.
 

Empréstimo? Nem pensar!

 
Esta é uma alternativa que você vai recorrer somente em último caso, do contrário, você deve fugir de empréstimos da maneira que puder. Para evitar cair nessa outra armadilha, é necessário ter sempre uma reserva financeira para utilizar em situações emergenciais, como ações trabalhistas, por exemplo, ou caso a sua empresa esteja com dificuldades de prospectar novos clientes e não tenha de onde tirar recursos para pagar as despesas.
 
Estamos diante de algo fundamental para o bom funcionamento de qualquer organização, que é a folha de pagamento de seus colaboradores. Trata-se de algo bastante burocrático, já que, entre outras questões, envolve também leis trabalhistas. Por isso, entender como funciona, controlar e administrá-la bem e de maneira eficiente, fará toda a diferença em seu negócio.
 
Bom, espero que você tenha gostado das minhas dicas e que elas possam lhe ajudar a otimizar e potencializar a sua empresa, afinal a minha missão aqui é esta. E se você tiver alguma dúvida ou sugestão a fazer, deixe seu comentário, pois terei o prazer em trocar experiências com você.