Conheça os principais modelos de Merchandising

Conheça os principais modelos de Merchandising

Empresas que desejam impulsionar as suas vendas devem investir em boas estratégias de Merchandising, pois trata-se do tipo de marketing que visa promover produtos e/ou serviços no local e tempo corretos. A promoção assertiva de uma marca é o que permite que ela se torne desejada e bem vista pelo consumidor em potencial. Conhecer os métodos de trabalho desse marketing nos permite chegar mais facilmente ao consumidor.

Fique por dentro das melhores estratégias de marketing acessando o meu canal. Inscreva-se agora!

Afinal, o Que é Merchandising?

A palavra Merchandising vem do termo francês “merchand”, que significa mercadoria. Na língua inglesa, essa palavra ainda pode ser relacionada ao termo merchandiser, que quer dizer “negociante”. De maneira geral, essa denominação se refere uma operação que é realizada com mercadorias. Por muitos anos, o conceito se restringiu às estratégias de apresentação e promoção de produtos dentro dos Pontos de Venda (PDV).

No entanto, nas últimas décadas, o termo passou a englobar também as ações que são realizadas fora dos limites dos pontos de venda para fidelizar e conquistar mais clientes. Houve, ainda, o advento do Merchandising eletrônico mais recentemente, que se vale de recursos tecnológicos para aumentar o alcance de vendas de uma empresa. Conhecer os diferentes modelos desse marketing permite traçar estratégias mais completas e satisfatórias.

Conhecendo os Modelos de Merchandising

A seguir vou explicar mais detalhadamente a que se refere o conceito de cada tipo de Merchandising para que a sua companhia possa escolher aquele que funciona melhor em seu contexto de negócios.

Merchandising Visual – Conquistando o consumidor no PDV

Quantas vezes você decidiu comprar essa ou aquela marca quando já estava no supermercado? Muitos consumidores se deixam envolver pela forma como os produtos estão apresentados no ponto de venda, sendo decisivo ter uma estratégia bem organizada para esse local. Estão inseridos no arcabouço de estratégias de Merchandising visual a elaboração de displays, cartazes, ações promocionais (daquelas pague 2, leve 3), entre outros. Chamar a atenção para a marca é essencial se destacar dos concorrentes e elevar as conversões de venda.

Merchandising Editorial – Conquistando a audiência por meio de produtos audiovisuais

Sabe quando você está assistindo a um programa de entretenimento e no meio o apresentador fala sobre um produto? Trata-se de um tipo de Merchandising que também pode ser conhecido como Product Placement. Entram nessa categoria de marketing ainda as inserções em novelas, seriados e filmes. A diferença é que nos programas de TV fica claro que é uma divulgação de uma marca, enquanto que numa programação ficcional pode ser encarado como parte da história.

Merchandising Eletrônico – Usando as ferramentas virtuais para divulgação

O marketing eletrônico tem se fortalecido nos últimos anos com a difusão das redes sociais e o crescimento do poder de voz de influenciadores digitais. Atualmente, para algumas empresas, é mais válido investir na presença de sua marca no Instagram de um influencer do que, necessariamente, num comercial para televisão. A internet proporcionou uma segmentação ainda mais perceptível e que torna possível chegar mais perto do seu público.

Planejamento de Merchandising na Prática

Como qualquer outro tipo de marketing, o Merchandising demanda um bom planejamento para que todos os recursos sejam utilizados da melhor forma, obtendo, assim, os resultados esperados. A principal questão que deve estar em pauta é “Como os consumidores enxergam os produtos quando chegam ao ponto de venda?” ou, então, “Como posso fazer com que minha empresa esteja mais perto do consumidor em seu cotidiano?”.

Ambas as questões são primordiais e se baseiam em saber quem são os consumidores e de que maneira eles podem ser melhor influenciados a adquirir os produtos da sua companhia. Com esse estudo de público-alvo e da imagem formada no momento, se torna possível identificar os pontos frágeis na abordagem atual para cercar os consumidores com mais assertividade. Novamente ressalto que as ações de Merchandising podem ser realizadas dentro e fora do ponto de venda.

A escolha de uma ou outra estratégia – ou até das duas – depende da observação do panorama geral, isto é, se realmente é relevante uma aproximação mais certeira no ponto de venda ou se o âmbito virtual/editorial merece mais destaque. A melhor maneira de chegar a essa resposta é pensar onde o cliente da sua companhia está. As marcas devem seguir sempre a trajetória do consumidor.

Escolha o Melhor Momento

As estratégias de Merchandising se caracterizam também por seu tempo correto de realização, isto é, por serem colocadas em prática no melhor momento para a empresa em questão. Vamos imaginar uma companhia de chocolates, o momento mais assertivo para intensificar o trabalho visual no PDV com certeza é a páscoa, seguido do dia dos namorados. Nessas datas mais pessoas se encaminham para supermercados e lojas de departamento pensando em comprar chocolates, então, quanto mais sua marca estiver visível, maior será o sucesso de conversão.

O que você achou de conhecer um pouco mais sobre Merchandising? Deixe seus comentários!

Merchandising e assuntos relacionados você encontra no meu canal. Inscreva-se agora!