Saiba mais sobre o Planejamento Tático

Saiba mais sobre o Planejamento Tático

Embora seja muito relevante para o sucesso de empresas de todos os setores, o planejamento tático, ainda passa despercebido para muitos gestores. Em parte isso se deve ao foco no planejamento estratégico, aquele que organiza a rotina da companhia. O segredo do sucesso é saber coordenar os dois planejamentos já citados com o planejamento operacional. Para isso é fundamental conhecer esses conceitos profundamente.

O que é planejamento tático?

Trata-se do planejamento mais focado e específico, pode se referir somente a um procedimento ou a um departamento da organização. Sua particularidade permite que seja elaborado por um líder departamental ou de equipe sem necessariamente ter relação com a alta administração. O objetivo central é determinar o que precisa ser executado para chegar ao resultado previsto no planejamento estratégico.

O que é planejamento estratégico?

Essencial para consolidar a organização no mercado deve ser o primeiro planejamento elaborado permitindo projetar uma visão de futuro para o empreendimento. Utiliza como base fatores internos e externos para pensar na estrutura geral da companhia. As decisões no âmbito estratégico ficam a cargo da alta administração porque têm caráter mais geral. O planejamento tático permite delegar a responsabilidade pela tomada de decisões por ter um foco menor de ação.

E o planejamento operacional?

É o planejamento responsável por executar as tarefas determinadas pelo planejamento tático, as decisões podem ser tomadas por indivíduos em diferentes posições hierárquicas. Da estruturação operacional depende o sucesso da empreitada pretendida pelas metas estratégicas e táticas. Nesse escopo estão as ações de curto e médio prazo, aquelas que levam geralmente entre 3 e 6 meses para serem concluídas.

Como usar o planejamento tático para mudar a rota do meu negócio?

O gestor que deseja utilizar o planejamento tático com efetividade precisa ter o planejamento estratégico do seu negócio definido. Com a rotina e os objetivos centrais delimitados chega o momento de pensar como colocar em prática as tarefas de cada departamento com chances reais de sucesso.

Contudo, é nesse ponto que muitos gestores se veem perdidos, há certo desconhecimento sobre como aplicar essa técnica de planejamento. Confira a seguir as dicas que listei sobre como mudar a rota do seu negócio com essa técnica.

1 – Determine a meta

O ponto de partida para montar um sólido planejamento tático é determinar qual a meta que se deseja alcançar. Tendo essa ideia bem clara fica mais simples considerar quais são os setores que deverão participar da estruturação e os profissionais a serem envolvidos. Novamente destaco que esse é um planejamento mais específico e que deve ficar a critério de quem tem mais conhecimento da área que será afetada.

2 – Transforme essa meta em algo mensurável

Antes de delegar o desenvolvimento do planejamento tático para o setor de competência, é importante converter a meta em algo mensurável, ou seja, números e critérios de avaliação. Além de facilitar a verificação da efetividade do trabalho será mais fácil conseguir a compreensão dos participantes a respeito do que se está buscando.

3 – Planejamento tático é sinônimo de praticidade

Isso quer dizer basicamente que o planejamento elaborado pelo setor correspondente deve ser prático, ter uma lista de ações a serem realizadas com determinação de prazos. Essa é a maneira mais organizada de se trabalhar para tornar a companhia mais eficiente. Metas não podem ser conceitos abstratos, precisam ser facilmente explicadas com palavras e números.

4 – Gerencie os planejamentos táticos

O ponto que tenho ressaltado ao longo desse artigo é que o planejamento tático se refere a questões mais específicas e fechadas. Dessa forma cabe ao gestor geral do negócio gerenciar os planejamentos das diferentes áreas.

Isso não quer dizer elaborar todos os planejamentos, mas sim se manter à disposição dos líderes de equipe para alinhá-los com a meta central. Se a companhia estabeleceu como meta crescer 10% nos próximos 5 anos cabe a cada setor pensar como pode contribuir para isso desenvolvendo um planejamento com esse foco.

5 – Avaliação dos resultados

Acima foi dito que é importante converter as metas em dados passíveis de serem mensurados, tornando possível compreender quais planos têm dado resultado e quais não. A observação de como as ações táticas têm ajudado a realizar ou não os objetivos permite uma mudança de rumo. Somente com uma avaliação eficaz se consegue chegar a uma resposta sobre uma mudança de rumo.

6 – Mudando de rumo

As ações devem ser desenhadas pensando em como colocar a organização no caminho em que se pretende chegar, ou seja, quais as mudanças que precisam ser feitas para alcançar o sucesso. Cada gestor de departamento consegue ter uma ideia mais certa a respeito do seu setor de atuação.

Gostou de saber mais sobre o planejamento tático pode mudar o rumo da sua companhia? Deixe seus comentários abaixo e compartilhe em suas redes sociais.

 

Copyright:  741600652 – https://www.shutterstock.com/pt/g/Gajus