Será que devo investir em outsourcing?

Será que devo investir em outsourcing?

Todo bom empreendedor é aquele que está sempre buscando melhorar e ampliar o seu negócio. Conforme a empresa vai desenvolvendo, aprimorando e aumentando suas atividades, novos desafios vão surgindo. São necessárias novas contratações para que esses novos colaboradores ocupem as novas funções e, tudo isso pode se tornar um problema se não for muito bem conduzido pelo empreendedor.
 
Nessa fase de crescimento surgem certas dificuldades referentes à administração da área financeira, em gerenciar e instruir os novos colaboradores em seus novos cargos e, consequentemente, isso poderá gerar certo desgaste ao administrador, fazendo com que ele desista do negócio ou comece a pensar em formas de conduzir esse novo desafio.
 

Nesse momento você pode se perguntar: é hora de investir em outsourcing?

 
Outsourcing é um termo em inglês para definir terceirização. Por muito tempo a terceirização foi associada à perda de controle das informações da empresa, já que pessoas de fora poderiam gerar certa falta de confiança para o empreendimento, pois essa pessoa não era interna e por isso, não “vestiria a camisa” da organização, ou até poderia espalhar informações. Mas logo se percebeu que terceirizar pode ser uma solução muito viável para muitos problemas de uma organização.
 
A terceirização pode acontecer em qualquer área da empresa, seja ela limpeza, financeira ou tecnológica e/ou de comunicação, entre outros. Focar no que você faz de melhor e deixar o restante para especialistas pode ajudar bastante o empreendedor em momentos de crescimento, onde há muitos processos acontecendo e o líder precisa focar na atividade principal do seu negócio.
 
Outsourcing não é apenas “deixar na mão” ou deixar um serviço “de lado” para que outra empresa faça os serviços que você não tenha expertise ou que você não tenha infraestrutura para executar. Na verdade, a terceirização é uma parceria estratégica entre o contratante e o contratado que gera oportunidades em atividade, funções e resultados surpreendentes para ambos.
 

Mas quais as vantagens do outsourcing?

 
Existem várias vantagens de se contratar uma terceirização. Por isso, enumerei a seguir alguns desses benefícios para que você possa analisar e, quem sabe, recorrer ao outsourcing fazendo dele uma boa opção para negócio.
 

Maior disponibilidade

 
Fazendo parcerias com terceiros, o empreendedor tem mais tempo para se dedicar às atividades que realmente lhe competem, tornando todo o trabalho que desempenha com uma qualidade ainda maior.
 

Eficiência na qualidade do trabalho

 
Com as divisões adequadas das tarefas, o que antes poderia estar sobrecarregando o líder, agora se tornará mais simples, pois dará espaço para que todos possam atuar em suas funções com maior tranquilidade e maior tempo, para fazer da melhor forma possível. E assim será possível cobrar melhores resultados de cada colaborador designado para que a empresa continue crescendo e alcance o sucesso.
 

Redução de custos

 
Muitos acreditam que terceirizar não reduz custos, pois é necessário que o empresário faça ainda mais investimentos. Mas com o passar do tempo, isso pode significar uma redução com gastos que poderiam ser evitados. Além disso, a terceirização permite que o processo fique mais fluido, podendo ajudar no aumento de lucros e o consequente retorno do investimento feito.
 
Outsourcing, em geral é uma novidade. E o bom empreendedor é aquele que sabe incluir novidades em seus negócios e também sabe a importância e a hora de arriscar.
 
É claro que arriscar pode ser sinônimo de errar, já que o novo e desconhecido pode ser “intimidante” e sabemos que não podemos arriscar errando, pois isso traria para nossos negócios alguns pontos negativos, por isso destaquei essas três dicas para você não errar na hora de decidir se deve ou não investir em outsourcing e se é ou não o momento certo para tal investimento.
 

Decida qual a terceirização necessária

 
Tome cuidado ao querer terceirizar funções muito estratégicas. Por exemplo, se algo é de extrema importância para a sobrevivência do seu negócio, é melhor que você acompanhe de perto e não transfira para outros. Por isso, se você observar isso de perto e internamente, talvez seja o melhor, não significa que você possa terceirizar coisas importantes. Significa que tanto internamente, como externamente, você precisará de pessoas que te ajudem a sanar os desafios e criar estratégias para o crescimento de sua empresa.
 

Escolha bem os seus fornecedores e parceiros

 
Na hora de decidir qual empresa você irá contratar, verifique as referências, se eles podem te oferecer algum portfólio ou mostrar se já trabalharam com algum parceiro interessante para você, é importante. E lembre-se, pesquise tudo com muita calma. Talvez você esteja com pressa e precisando com urgência de algo, mas é melhor ter calma do que fazer de qualquer forma. Qualquer escolha errada na hora da contratação de terceiros pode ser fatal para sua organização.
 

Atente-se para a forma de trabalhar dos terceiros

 
É importante que a forma de trabalhar das empresas parceiras, seja condizente com o seu formato de trabalho e liderança. Esteja atento para que as empresas contratadas estejam alinhadas com os seus valores e códigos de ética.
 
Como dito anteriormente, outsourcing é uma parceria estratégica e de confiança, a forma como essa parceria funcionar, vai impactar diretamente no que você faz. Encare esse processo como uma possibilidade de concentrar seus esforços e recursos em atividades vitais para a manutenção de seu negócio, mas não deixe de parar pra avaliar se está funcionando conforme o estipulado por você.