Quais os maiores erros das empresas nas ações de marketing?

Quais os maiores erros das empresas nas ações de marketing?

Muitos empreendedores ainda não se deram conta, mas o setor de marketing é um dos mais importantes que a empresa pode ter. Junto ao departamento de vendas, da produção e da gerência, é a equipe da comunicação que faz com que a mensagem que fala do produto chegue até o seu público-alvo.
 
O problema é que, em épocas de crise, muitas vezes é exatamente esse time que é dispensado primeiro, deixando todo um planejamento de presença de marca sem assistência e, consequentemente, passível de apresentar problemas. Afinal, é o marketing que observa o comportamento dos consumidores, que atende às reclamações, que cria estratégias para a empresa chegar cada vez mais longe. Retirando esse setor de dentro da empresa e deixando a comunicação do empreendimento na mão de quem não conhece a área, os riscos de perder, tempo e dinheiro, são bem grandes.
 

Estratégias

 
Por ser uma área tão importante do negócio, é necessário entender que profissionais qualificados devem fazer parte desse time. E não só isso, colaboradores com senso crítico são imprescindíveis na hora de pensar o marketing da sua empresa. Eu falo isso, empreendedor, porque para que sua mensagem seja efetiva na vida do consumidor e que sua marca seja conhecida e respeitada pelo o que ela representa, existe toda uma estratégia pensada para a execução.
A ideia é sempre vender mais e atingir resultados que convertam em novos clientes, por isso, existem algumas ferramentas que auxiliam o trabalho do marketing para que a sua empresa não erre na hora de pensar a comunicação da marca. Vamos conhecer algumas delas. Confira:
 

Links patrocinados

 
Consiste em usar anúncios no Google para que as pessoas encontrem o seu site mais facilmente;
 

Facebook ads

 
Impulsionar conteúdos da fanpage da marca, por meio de anúncios pagos, para que alcancem mais pessoas gerando mais visibilidade.
 

Email marketing

 
Sistema de correspondência via email com informações de promoções, novidades, lançamentos e retorno de carrinho de compras em caso de e-commerce;
 

SEO

 
Consiste em produzir conteúdos com palavras-chave mais buscadas no Google, que tenham a ver com o seu ramo para que apareçam no seu texto conforme a procura pelo termo.
 

Ações externas

 
Campanhas pensadas em atingir público novo e fidelizar antigo;
 

Blog

 
Reúne conteúdos relevantes do universo da marca, é uma forma de se posicionar como especialista;
 

Redes Sociais

 
Marketing de conteúdo que impacta diferentes pessoas;
 

O que é necessário para ser diferente?

 
Para que o setor de marketing consiga provar para os desacreditados o quanto seu trabalho é importante dentro de um negócio, vale pensar mais com menos. Realizando marketing de guerrilha, aquele tipo de ação que consegue atingir muito público num tempo curto, sua equipe consegue mostrar que um trabalho cheio de estratégia e planejamento consegue realizar um bom impacto na vida do futuro prospect.
 
Trabalhar seu conteúdo não somente com a venda direta e sim, com branded content, que são assuntos relacionados ao que o seu produto faz. Por exemplo, uma farmácia não precisa falar só de remédio nas suas redes sociais e sim dar dicas de bem estar, saúde e alimentação. Afinal, uma farmácia vende a solução para um problema de saúde e ele pode ser resolvido tanto com remédios como com produtos ou cuidados consigo mesmo. Vê como é possível sair do básico se a equipe de marketing trabalhar bem?
 
E principalmente, usando muito a criatividade, seu time de comunicação garante muita aderência e influência na hora do consumo. Ações que falam com o comprador, que mostram pra ele que existe solução para algo que o incomoda, isso é marketing.
 

Análise de risco

 
O problema é quando o time não pensa no todo e arrisca muito por nada. Isso é mais comum do que se imagina no mundo da propaganda e por pior que possa parecer, está acontecendo cada vez mais seguido. Grandes marcas já passaram por situações extremamente delicadas ao propor uma comunicação equivocada com seu público-alvo e acabaram criando uma grande crise de marca.
 
Não é fácil prever a reação de quem recebe o conteúdo da sua marca, mas ações de marketing devem planejar todas as possibilidades de sucesso e também de fracasso antes de propor a ideia para a execução. Afinal, não se quer ofender ninguém, criar conflito com nenhuma outra marca e muito menos, ser excluída da vida do cliente.
 
O mais corriqueiro no mundo das gafes do marketing são mensagens confusas. Textos ambíguos, metáforas, jogo de palavras infeliz, todas essas são cartas que garantem o fracasso de uma ação. Como exemplo, temos o caso de uma peça publicitária de remédio para cólica que fez uma brincadeira com um problema real e acabou deixando muita gente indignada com a ação.
 
Comerciais polêmicos são muito fáceis de acontecer, também, principalmente com assuntos delicados como homofobia, machismo e apologia à violência. Um dos casos mais comuns são as peças publicitárias de marcas de cervejas brasileiras, em que sempre aparecem modelos de biquíni ou seminuas sendo objetificadas. Para uma marca até pode funcionar, mas para outra, fazer a mesma coisa pode se transformar num problema muito grande.
 
Quem pensa a ação, o comercial, o anúncio de rádio, a imagem de Facebook, deve ter uma visão macro da sociedade e de quem será impactado por aquela mensagem. Com as redes sociais, as pessoas compartilham muito mais informação e muito mais rápido, podendo transformar um conteúdo em viral ou em crise de marca. Ter sensibilidade é quase que um requisito para trabalhar com marketing já que esse é o setor que leva sua marca para ao mundo e aos seus clientes.
 
Por isso, acerte na contratação de sua equipe de marketing, planeje bem suas ações e não erre com o seu consumidor. Leia, releia, confira todas as possibilidades de interpretação de uma propaganda, assim, você faz com que seu cliente se orgulhe de ter sua marca na vida dele!