Saiba como melhorar o desempenho de sua empresa com o Seis Sigma

Saiba como melhorar o desempenho de sua empresa com o Seis Sigma

Se sua empresa vai bem, obrigado, eu fico muito feliz por você ter alcançado o sucesso. Mas se você ainda não se sente orgulhoso do que faz ou quer mesmo é que as coisas melhorem em seu negócio para alcançar lucratividade e um espaço no mercado, existem algumas dicas de como transformar a qualidade do seu trabalho e ainda garantir melhores processos operacionais em sua empresa. Estou falando ao Seis Sigma!
 

O que significa Sigma?

 
Fora do mundo dos negócios, Sigma é uma letra do alfabeto grego. Mas quando se usa essa referência para o universo empresarial, o Sigma pode ser usado como uma forma de medir os gastos que uma operação tem. Como assim?
 
Tudo que acontece na empresa tem um custo, certo? Então, o Sigma te ajuda a entender qual a melhor forma de executar uma atividade com o menor custo possível e sem desperdícios de operação. Então, é possível aplicar essa estratégia em todos os processos de trabalho da organização para avaliar e encontrar lugares onde estão sendo usados mais recursos do que necessários e então, estipular limites para esse tipo de operação.
 
Pensando dessa forma, é possível utilizar o Sigam como uma escala de capacidade de trabalho que, como tal, pode ser aplicada em diferentes tarefas.
 

Seis Sigma e o padrão de qualidade

 
A busca pelo equilíbrio entre operações que não tem desperdício de recursos e o lucro natural que vem de não se gastar tanto na operação é muito importante. É esse tipo de estratégia que ajuda uma empresa a crescer!
 
Portanto, usando as técnicas do Seis Sigma é possível estruturar metas, padrões de qualidade e aplicações de melhorias a todo o momento dentro da sua empresa. É a garantia de uma menor margem de perdas x mais lucro indireto para o negócio.
 

Quais os processos para chegar nesse nível?

 
Uma das principais estratégias utilizada nessa esquemática dos Seis Sigma é a doutrina do DMAIC (sigla para Definir – Mensurar – Analisar – Incrementar – Controlar):
 
● Definir: momento de decisão do que se fará na empresa, quais os produtos serão produzidos; quem fará isso; estrutura de custos; estratégia de ação e público – alvo;
 
● Mensurar: você conhece totalmente a sua empresa? Sabe quais os processos que funcionam e os que levam mais tempo? Para conseguir efetuar mudanças é muito importante analisar, mensurar os resultados entender como que o todo trabalha;
 
● Analisar: por onde que se começa uma organização? Antes, observando o que já se tem para depois estruturar os novos passos. Então, dentro da empresa isso também funciona com toda uma análise do que se está fazendo e o que pode se melhorar;
 
● Incrementar: o que pode ser implementado? Não pense que os funcionários não podem ajudar nessa, são eles que estão todos os dias em contato com o produto e por isso, no momento de se estabelecer mudanças, essa opinião é bastante válida;
 
● Controlar: esse último, mas muito importante passo é o que garante que tudo que falamos acima está funcionando. Uma estratégia de controle que visa o Seis Sigma consegue transformar um negócio por completo.
 

Desenvolvendo melhorias etapa por etapa

 
No momento de estabelecer algumas diretrizes dentro da sua empresa, é muito importante pensar de forma estratégica e abrangente para que todos os setores envolvidos tenham a atenção necessária e que sigam o mesmo padrão de melhoria. Lembre-se que o sistema do 6 Sigma é muito estatístico e matemático, por isso, deve-se prestar muita atenção na hora de efetuar essas análises.
 
● Passos iniciais: mensurar, analisar, prever, pensar num todo, tudo isso faz parte do início de uma atividade. Afinal, antes de mudar como as coisas são feitas, é importante entender como elas acontecem dentro da empresa. Envolva algum representante de cada setor para ajudar nesse momento de análise de desempenho. É legal conseguir ver quem são os colaboradores com quem você pode contar nesses momentos.
 
● Enquanto tudo acontece: esse é o momento de apontar se os processos funcionam, o que dá certo e o que não está de acordo com o padrão. Aqui se relata os problemas, defeitos e se observa tudo num olhar muito crítico e atento à para melhorias.
 
● Hora de melhorar: depois de diversas análises fica mais fácil de apontar exatamente o que deve melhorar; definir estratégias assertivas para mudar o que for preciso dentro da sua empresa. Então, defina as ações e faça tudo isso acontecer.
 

Que vantagens meu negócio tem ao implementar o Seis Sigma?

 
Depois de passar pela fase da adaptação que uma nova estratégia sempre traz, as vantagens de se ter um sistema organizacional e estatístico para sua empresa são muitas. Vamos conhecer algumas possibilidades que o Seis Sigma traz ao negócio:
 
● É possível ver com muito mais clareza os processos antes tinham um ritmo e depois passaram a ter outro bem melhor;
 
● O serviço que chega até o cliente se torna mais qualificado;
 
● Você terá mais certeza sobre o que estiver decidindo já que terá uma boa base de análise por trás.
 
Isso sem falar que você se transforma num empreendedor muito mais crítico e organizado ao ter esse tipo de ferramenta guiando um padrão de qualidade em sua empresa, a postura dos colaboradores ao realizar suas demandas, com mais engajamento, motivação e mais assertividade ao realizar seu trabalho. Fica a dica: experimente usar o 6 Sigma também!
 
Gostou de conhecer mais uma ferramenta de gestão do negócio? Compartilhe seu comentário e também o artigo com seus amigos empreendedores em suas redes sociais.