Como desenvolver estratégias de marketing proativo?

Como desenvolver estratégias de marketing proativo?

Uma campanha de marketing pode ser considerada proativa quando prevê as futuras necessidades dos clientes, de maneira a contribuir para a sua fidelização. A implementação do marketing proativo ou marketing de antecipação é uma forma de criar vantagens competitivas no mercado. Para alcançar resultados positivos atualmente é essencial conseguir se antecipar as principais tendências do seu segmento.

Saiba mais sobre marketing para pequenas e médias empresas! Inscreva-se no meu canal. Inscreva-se agora!

Por Que Apostar em Uma Campanha de Marketing Proativa?

Dentre as inúmeras estratégias de marketing que podem ser desenvolvidas, uma que tem ganhado destaque é a de perfil proativo. Agir antes do que as mudanças no mercado é uma garantia de que a companhia se manterá como uma das líderes do seu setor. A proatividade é o segredo de grande parte das corporações para vencer os principais desafios impostos pela velocidade acelerada de alterações de desejos dos consumidores.

No âmbito do marketing empresarial, é importante fazer mais do que a lição de casa. Durante décadas, o marketing de reação – aquele que é realizado respondendo aos estímulos dados pelo público-alvo – foi o mais utilizado, porém, hoje em dia, não basta apenas atender as demandas presentes dos seus clientes. Existe a necessidade de responder as demandas futuras também com o máximo de assertividade.

Como Desenvolver Estratégias de Marketing Proativo

Há um movimento crescente no mercado empresarial que aponta que a reatividade não pode mais ser a chave para a gestão do marketing das organizações. Por isso mesmo, listei algumas dicas pertinentes de como desenvolver estratégias focadas na proatividade.

1 – Foco no presente e no futuro

Como expliquei acima, tão importante quanto atender as necessidades atuais dos consumidores é atender as necessidades do futuro. Sendo assim, a equipe do marketing deve se dividir entre aqueles que vão planejar como resolver as questões do presente e aqueles que irão se manter pesquisando as tendências do futuro. Manter-se a par da dinâmica do mercado é essencial para se tornar um dos líderes.

2 – Pesquisa holística

Nenhum gestor de marketing tem bola de cristal para saber o que os consumidores irão desejar no futuro e, por isso mesmo, é necessário desenvolver um sistema de pesquisas holísticas em que se tenha acesso a informações comportamentais e inconscientes do público-alvo. As empresas que mantêm as pesquisas em formato tradicional têm menos chances competitivas de se adequar ao que o mercado espera.

Deve-se ter a percepção de que o público-alvo ainda não sabe o que irá desejar futuramente, assim como desconhece as possibilidades tecnológicas que existem para adicionar melhorias a produtos e serviços. Os pesquisadores que se voltam para estratégias de marketing proativo devem saber ler os gestos e informações subjetivas que ficam no ar.

3 – Maior autonomia para o setor de marketing

O marketing empresarial não pode ser visto apenas como um apoiador do setor de vendas da companhia. Esse departamento precisa se manter autônomo em relação aos outros braços da companhia. Prever as tendências do futuro não é o suficiente, é preciso se colocar a frente dos concorrentes no início do desenvolvimento e fabrico dos produtos que atenderão as necessidades dos clientes.

Somente tendo autonomia, o gestor de marketing poderá propor a idealização e realização de projetos, bem como o desenvolvimento de campanhas direcionadas. A relação entre o marketing e o departamento de vendas precisa ter harmonia e o entendimento de que ambos têm um papel crucial para o sucesso do negócio.

4 – Contribuição para o desenvolvimento de novos produtos

O marketing empresarial do futuro não se prende somente a criar campanhas para a venda dos produtos já existentes. Os profissionais do setor que investem na proatividade podem e devem trabalhar alinhados com o setor de desenvolvimento de novos produtos. A informação é a chave para a construção de uma organização mais competitiva, tendo o conhecimento do que preencherá as necessidades futuras dos clientes é mais fácil criar algo que seja imbatível.

5 – Otimização de processos

No âmbito do marketing empresarial proativo, o destaque está na realização de grandes feitos com o mínimo possível de verbas. O uso inteligente dos recursos é o que diferencia o marketing voltado para o futuro das estratégias utilizadas anteriormente. Para que se tenha condições de buscar pelo futuro, é essencial saber como se planejar adequadamente.

Lembrando que a criatividade para um uso mais assertivo dos recursos de marketing é válida tanto para um orçamento estratosférico como para um orçamento limitado. Ter dinheiro sobrando não significa conseguir soluções mais proativas no departamento de marketing. O trabalho deve ser realizado com o máximo de atenção e qualidade.

6 – Reconhecimento da relevância do marketing

Uma das questões que pode ser complicada é fazer com que todos os setores da organização trabalhem coordenados com o marketing por não reconhecer, necessariamente, o seu valor. O departamento que investe num comportamento proativo não pode descuidar do público interno. Manter os outros setores integrados e participativos dentro da organização de uma campanha de marketing é uma maneira de atribuir conhecimento para a mesma.

O que você achou do conceito de marketing proativo? Deixe seu comentário!

Marketing proativo e assuntos relacionados você confere no meu canal. Inscreva-se agora!