Vendas inbound e outbound: conheça suas diferenças

Vendas inbound e outbound: conheça suas diferenças

Toda empresa que deseja obter bons resultados precisa realizar um planejamento de vendas, com as estratégias que melhor atendem as suas necessidades e estejam de acordo com o mercado. No artigo de hoje falarei especificamente a respeito das vendas do tipo inbound e outbound que se diferenciam, entre outros fatores, pela forma com a qual acontece o contato com o cliente.
 

A Importância do Planejamento de Vendas Para Ter Bons Resultados

 
Quando o assunto é venda, muitos acreditam que se trata de um dom que as pessoas podem ter ou não. Mas a verdade é que, assim como qualquer outra atividade profissional, um vendedor precisa estudar, se dedicar e, principalmente, se planejar. Se antigamente bastava ir até o cliente e apresentar um produto ou serviço, hoje isso mudou, pois os consumidores estão cada vez mais exigentes e o mercado altamente competitivo.
 
Através de um bom planejamento é possível definir as estratégias que podem atingir em cheio o público-alvo e, com isso, obter melhores resultados. Além disso, o planejamento deverá envolver as questões financeiras, para que sejam criadas campanhas de marketing de acordo com o orçamento disponível. Ao planejar é possível ter maior controle sobre o processo e, assim, tomar decisões mais assertivas.
 

O Que São Vendas Inbound e Outbound?

 
Também chamadas de vendas de entrada e saída, elas são cruciais para se ter um negócio próspero e financeiramente saudável. Conhecer as duas formas de contato com clientes permite que uma equipe de vendas seja mais flexível e dinâmica, a fim de se adaptar às últimas tendências do mercado.
 
Vendas Inbound (Entrada): É o tipo de venda em que o cliente vai até a empresa. Geralmente acontece por meio de anúncios, em que o consumidor vê a propaganda, acredita que aquele produto ou serviço vai lhe trazer algum benefício e, então, vai até ele. É como se os anúncios fossem iscas para atrair os consumidores e levá-los a tomar a iniciativa de ir até o produto desejado.
 
Vendas Outbound (Saída): Já as vendas outbound acontecem quando o vendedor vai até o cliente para apresentar e oferecer o produto ou serviço. É uma modalidade mais comum entre o segmento B2B, em que os clientes são outras empresas. O primeiro contato geralmente é realizado por telefone, então uma ou mais reuniões são marcadas, o processo todo pode durar bastante tempo. Durante o processo é necessário educar o cliente em potencial para mostrar que o produto oferecido realmente pode trazer benefícios a ele.
 

Inbound x Outbound: Como Definir a Melhor Opção Para a Sua Empresa

 
O ponto de partida é que tanto na modalidade inbound quanto outbound o objetivo é o mesmo: estabelecer um relacionamento com o cliente com a intenção de vender, o que diferencia é a forma como o contato é realizado. Uma empresa pode eleger uma das opções ou lançar mão das duas. Uma companhia pode ter uma força de venda dedicada para o inbound e outra para o outbound, para que públicos diferentes sejam atingidos.
 
Existem alguns pontos que devem ser considerados ao se decidir por uma das modalidades ou por ambas. Veja quais são elas e realize uma análise no seu negócio, a fim de eleger a estratégia que seja mais vantajosa e que vá ajudar a potencializar os resultados.
 
Orçamento Disponível: As vendas inbound são realizadas através de campanhas de marketing e, por incrível que pareça, são mais baratas do que as do tipo outbounding. Hoje em dia, é possível criar campanhas em redes sociais com valores relativamente baixos. No caso das vendas de saída, os custos são mais altos, pois podem envolver distribuição de folhetos, visitas a clientes, ligações, etc. Então, se o orçamento é limitado, a abordagem inbound pode ser melhor.
 
Ciclo de Vendas: Cada tipo de produto ou serviço tem um ciclo de vendas diferente, que é o processo que começa desde o primeiro contato com o cliente até a efetivação da compra. Então, se a sua empresa comercializa um produto mais complexo, que precisa de um contato mais próximo para convencer, as vendas outbound podem ser mais vantajosas. Já para itens com ciclo de vendas mais curto, geralmente do tipo B2C, a abordagem inbound é suficiente.
 
Perfil do Público: Quando é possível identificar os hábitos de consumo e traçar o perfil do público-alvo com mais assertividade, a venda inbound podem ser a melhor opção. Mas se houver maior dificuldade para realizar essa identificação e os dados aos quais se tiver acesso não forem suficientes, a estratégia outbound é a ideal, pois permite que se tenha maior facilidade de chegar até o cliente.
 
Trajetória: Analise a trajetória que a sua empresa teve até hoje e verifique qual é o tipo de abordagem que mais vem surtindo efeito, assim como aquela que não está trazendo resultados. Essa análise é fundamental para entender qual é a melhor estratégia para atingir o seu público-alvo.
 
Você já conhecia o conceito de vendas inbound e outbound? Qual é o método utilizado pela sua empresa? Deixe o seu comentário abaixo contando sobre a sua experiência!