Entenda como é a gestão para Personal Stylist

Entenda como é a gestão para Personal Stylist

A moda é uma ferramenta de expressão que as pessoas usam para transmitir mensagens sobre o que pensam, o que são ou queriam ser. A figura do personal stylist vem ganhando destaque nos últimos anos devido a crescente necessidade que as pessoas têm de utilizar as roupas e adereços como uma forma de se destacar na multidão pela construção de um estilo próprio e engana-se quem pensa que somente famosos usam serviços como esse, para conseguir bons empregos é fundamental se vestir de acordo.

6 Dicas de gestão para quem atua como personal stylist

Haja vista que esses profissionais têm se tornado mais requisitados por diferentes públicos vou apresentar a seguir algumas dicas para gerir esse trabalho com mais assertividade.

1 – O trabalho do personal stylist

Antes de mais nada é importante o profissional que está pensando em entrar nesse mercado conheça todas as potenciais atividades a realizar. Mais do que orientar a respeito de como escolher roupas para determinadas situações, o personal stylist, ajuda seu cliente a definir um estilo pessoal que transmita a imagem esperada para quem está em volta.

O segredo está na adequação aos ambientes e situações cotidianas assim como uma boa organização do closet e conhecimento para fazer compras de qualidade e que tenham menos peso no orçamento. Etiqueta social também está no escopo dos ensinamentos desse profissional. Já existem cursos profissionalizantes que preparam os interessados nesse segmento, seja o mais qualificado possível.

2 – Tenha um plano de negócios definido

Com o entendimento das áreas em potencial para atuação é importante que o personal stylist delineie um plano de negócios. Trata-se de um planejamento profissional em que constará qual o público-alvo, quais serão os serviços fornecidos, quais serão os parceiros e fornecedores, o método de trabalho, aporte financeiro para o empreendimento, meios de divulgação e outros tópicos relevantes para iniciar sua atuação no mercado.

3 – Mantenha um controle organizado dos seus clientes

Para ensinar etiqueta para as pessoas é necessário ter um atendimento impecável. O profissional que atua como consultor de imagem deve usar métodos como aplicativos ou softwares que armazenem dados a respeito das pessoas que atende avaliando a sua evolução constante. Também é fundamental manter o controle financeiro relativo a cada cliente, esse é um ponto que pode se mostrar mais complexo porque esse negócio pode guardar diferenças bem marcantes em relação a outros empreendimentos.

Mesmo que você atue como profissional autônomo deve contar com um contador para te auxiliar nas questões tributárias e técnicas assim como a manter os registros em dia. Saber quanto se tem em caixa e o quanto se irá receber no decorrer do mês é o que permitirá que o negócio se torne sustentável.

4 – Utilize as redes sociais

Alguns profissionais que estão começando nessa área podem ter dificuldade na captação de clientes inicialmente. Embora seja importante fazer contatos em eventos nem todo mundo tem capital para se manter inserido num circuito mais restrito. A dica é usar a sua criatividade e o potencial de alcance da internet. Hoje em dia pode ser mais eficaz ter um canal no YouTube com muitos views do que frequentar 5 eventos por semana.

As redes sociais podem ajudar na construção da sua imagem como um especialista em moda e etiqueta. Produzir vídeos ou até mesmo posts para uma fanpage do Facebook contribui para que mais pessoas se interessem pelo que você tem a dizer e eventualmente te procurem para uma consultoria. É possível monetizar a produção de seu conteúdo online desde que ele tenha qualidade e seja relevante para a audiência.

5 – Conheça a concorrência

Pelo fato de ser um mercado em evidência há um crescimento significativo do número de personal stylists ano após ano, dessa forma para se manter relevante você deverá ficar atento ao que os seus concorrentes estão fazendo. A ideia é saber o que eles oferecem para tentar encontrar maneiras de atender as necessidades dos clientes com mais criatividade e assertividade. Os concorrentes podem e devem ser molas propulsoras para o crescimento.

6 – Diversifique sua atuação no mercado

Atualmente, um personal stylist pode diversificar os seus serviços saindo do tradicional preparo de quem apenas deseja ser mais elegante. A segmentação que foi sendo reforçada pela internet nos últimos anos criou uma série de possibilidades.

Para se ter uma ideia você pode aumentar seus ganhos oferecendo consultoria focada em fantasias de carnaval no começo do ano, na criação de um guarda-roupa compatível com o universo corporativo e até mesmo para montagem de looks para redes sociais de blogueiras de moda.

Saber como aproveitar as oportunidades que se apresentam para o crescimento dos seus ganhos é a melhor estratégia de gestão. Além disso, se tornar um profissional multifacetado pode ajudar também a tornar seu dia a dia de atuação mais divertido e instigante.

Gostou dessas dicas de gestão para personal stylist? Deixe seus comentários abaixo!

Copyright:687628558 – https://www.shutterstock.com/pt/g/undrey