Confira minha entrevista para o Canal Executivo Uol onde falo sobre a importância da Gestão de Pessoas

Confira minha entrevista para o Canal Executivo Uol onde falo sobre a importância da Gestão de Pessoas

Marcus Marques

Os funcionários são a parte “viva” da empresa, diferenciando cada empreendimento e consequentemente a qualidade do produto ou serviço prestado. Por isso é fundamental cuidar bem de seus colaboradores, compondo uma equipe comprometida e que gosta do que faz. A partir dessa conjectura, a gestão de pessoas nas organizações traz um conceito de humanização nos últimos tempos.

Já se foi à época em que os colaboradores eram tratados quase que como máquinas, vistos como “materiais”. Hoje as organizações se deram conta da importância das pessoas e com isso veio um novo desafio que foi como gerenciar os funcionários nesse novo contexto, afinal cada um tem suas particularidades, sua cultura, características e visão de mundo. Tornando assim imprescindível o investimento em um departamento responsável por cuidar das pessoas dentro de uma empresa, mesclando a organização no gerenciamento dos funcionários com o cuidado pelo ser humano.

Benefícios da Gestão de Pessoas

O departamento de Recursos Humanos está abandonando a concepção tradicionalista de tratar apenas das questões trabalhistas, passando a adotar uma nova formatação aonde se priorizam estratégias para um melhor desempenho e cuidado às pessoas. Algumas das funções do RH para proporcionar ganhos à organização são:

Ajudar a organização a atingir sua missão;
Propiciar meios para a realização dos objetivos da empresa;
Atribuir equilíbrio entre as expectativas das empresas e dos colaboradores;
Gerir a produtividade e a qualidade;
Criar métodos para melhorar o desempenho individual e organizacional;
Desenvolver e reter talentos;
Garantir a motivação e o comprometimento dos colaboradores;
Garantir um ambiente de trabalho saudável;
Gerir mudanças organizacionais.

Os passos que dão base a toda Gestão de Pessoas são 3:

1° Passo – Deve-se fazer um planejamento claro e preciso sobre o que a empresa faz, o que deseja e como deseja alcançar. As pessoas devem saber que toda decisão tomada na organização deve ser adotada em direção ao fim pretendido pela organização.

2° Passo – A estrutura organizacional deve estar bastante clara na cabeça dos colaboradores. Cada um deve saber exatamente o que é seu papel e quais suas responsabilidades. As pessoas fazem melhor seu trabalho quando sabem exatamente onde estão e que devem fazer.

3° Passo – Deve haver definição exata das qualidades necessárias para execução de cada atividade. Assim sendo, cada colaborador saberá exatamente do que precisa para exercer bem sua função e, também, será mais fácil avaliar acertos e erros ocorridos no processo.

Podemos então afirmar que um dos pilares do rendimento de uma empresa está diretamente ligado a uma gestão de pessoas eficaz. Uma boa estrutura organizacional, bom ambiente de trabalho e funcionários tratados com zelo só tendem a somar positivamente em produtividade, motivação e engajamento.

Não deixe de investir no departamento de Recursos Humanos da sua empresa, proporcionando melhores resultados e dando o apoio necessário aos seus funcionários.

*Marcus Marques é empreendedor, autor, publicitário com pós-graduação em Gestão de Pessoas, Psicologia Positiva e Coaching e MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas – FGV e pela Ohio University.

Link original da matériahttp://www2.uol.com.br/canalexecutivo/notas161/0710201613.htm