Porque as empresas devem estudar o comportamento organizacional?

Porque as empresas devem estudar o comportamento organizacional?

O conceito de comportamento organizacional tem se tornado cada vez mais relevante no mundo corporativo, por se referir ao estudo de comportamentos realizados pelos colaboradores e demais grupos que compõem uma companhia em seu ambiente de trabalho. Trata-se da observação do reflexo que o conjunto de ações desses funcionários tem para construção da imagem da corporação.
 

O Comportamento Organizacional e Sua Influência no Clima da Empresa

 
Quem deseja se aprofundar nesse tema deve ler o livro “Fundamentos do Comportamento Organizacional” de Stephen Robbins, que investiga a fundo esse conceito, oferecendo ferramentas para extrair o melhor de cada colaborador. Esse livro aponta, ainda, uma questão que merece destaque quando se trata da avaliação do comportamento dos colaboradores, relações conflituosas que podem desarmonizar a corporação.
 
A forma de agir dos funcionários da companhia é a referência que públicos externos têm da imagem da mesma. Sendo assim, quando se tem equipes que estão constantemente tendo embates, é natural que se tenha uma visão negativa da empresa, bem como ela não consiga ser produtiva ao máximo. A falta de uma cultura organizacional definida e difundida cria companhias desnorteadas e distantes do sucesso.
 

Qual a Importância do Estudo do Comportamento Organizacional?

 
O estudo de comportamento organizacional permite que os gestores de capital humano tenham pleno conhecimento do perfil das pessoas que têm em suas equipes. Essa visão detalhada dos colaboradores permite identificar e resolver potenciais pontos de conflitos. Gerir pessoas não é uma tarefa simples, pois cada indivíduo tem sua própria verdade, sentimentos e desejos quanto ao trabalho que desempenha.
 
A observação do comportamento dos colaboradores contribui, também, para que dificuldades do cotidiano ganhem mais destaque aos olhos dos gestores. Em muitos casos, alguns processos podem ser otimizados para liberar o capital humano para a busca de soluções criativas para outras demandas, mas acabam passando despercebidos. Quando se volta o olhar para o andamento do escritório, fica mais fácil identificar esses pontos em que se pode dar um salto.
 

Como Realizar o Estudo do Comportamento Organizacional?

 
Agora que já apresentei para você a importância do estudo do comportamento organizacional, vou dar dicas de como realiza-lo na sua companhia.
 

Conheça os dois níveis de avaliação

 
O primeiro passo para dar início a esse estudo é compreender que a avaliação do comportamento organizacional pode ser dividida em dois níveis: o individual e o de grupo.
 
Avaliação no nível individual: Devo deixar claro que esse estudo não deve buscar encontrar erros nos colaboradores e sim entender de que maneira eles podem ser melhor aproveitados pela corporação. No nível individual, o gestor de recursos humanos deve olhar para cada colaborador separadamente, focando nas respostas das seguintes questões:

  • Quais são os seus objetivos?
  • Os rendimentos atuais estão de acordo?
  • Tem algo atrapalhando o crescimento do colaborador? O que?
  • As regras da organização tolhem de alguma forma o seu rendimento?
  • Quais são as principais motivações desse colaborador?
  • Quais suas habilidades mais acentuadas?

A corporação pode adicionar mais questões que considere pertinente para traçar um perfil mais detalhado dos seus colaboradores. A partir da avaliação das respostas desse questionário, se tem formada uma opinião mais concreta a respeito das tarefas que podem ser atribuídas para cada funcionário.
 
Avaliação no nível de grupo: Nessa etapa, o avaliador deve considerar a empresa como um todo subdividido em grupo,s sendo que cada equipe representa uma parte dessa totalidade. O trabalho deve considerar que cada equipe da companhia é um grupo diferente que deve estar alinhado para uma comunicação efetiva com os demais.
 
Os pontos centrais da avaliação ficam por conta da qualidade de interação que existe entre os grupos, assim como o papel do líder para cada um deles. Os objetivos do estudo de comportamento organizacional em nível de grupo incluem proporcionar um ambiente dinâmico e propício para diferentes colaboradores, assim como obter melhores resultados em projetos interligados pelos departamentos.
 
Abaixo listei algumas questões que podem guiar a avaliação em nível de grupo:

  • Como está o desempenho da equipe?
  • Há um bom clima interno no grupo?
  • Como está a relação de faltas de colaboradores em cada grupo e como isso impacta o volume de trabalho para os demais componentes?
  • Os funcionários mantêm trabalho colaborativo?
  • Existe resistência quanto a possíveis mudanças no dia a dia de trabalho?
  • A equipe tem demonstrado comprometimento com o cumprimento das metas?
  • Nos últimos tempos, a equipe tem apresentado ideias inovadoras?
  • Há um clima de inteligência emocional no ambiente?
  • Os relacionamentos interpessoais estão tendo um bom andamento?

Essas questões têm como objetivo determinar se há um clima favorável de colaboração entre os membros da equipe e, assim como citei no nível individual, é possível adicionar outras perguntas que tenham ligação especificamente com a sua companhia.
 
O que você achou do estudo de comportamento organizacional? Comente e deixe a sua opinião!