Pontos positivos e negativos da liderança democrática

Pontos positivos e negativos da liderança democrática

A liderança é a arte de coordenar pessoas com o objetivo de formar equipes eficazes que gerem resultados positivos. Esse conceito possui três vertentes, que são a liderança democrata, a autocrata e a liberal. Cada uma possui suas características e forma de lidar com os indivíduos. É importante que os empresários conheçam bem essas três opções para elegerem aquela que melhor se adapte com a sua organização. No artigo de hoje falarei especificamente sobre a primeira delas, que é a democrática.
 

O Que é a Liderança Democrata?

 
Também conhecida como liderança democrática, trata-se de um modelo que busca distribuir as responsabilidades entre todos os membros da equipe, capacitando-os e contando com a participação de todos na tomada de decisão. As empresas que optam por esse perfil de liderança vivem como em uma democracia, em que há um representante, que é o líder, mas todos têm liberdade para opinar.
 
Em oposição à liderança autocrática, que tem o poder centralizado no líder, no modelo democrático os méritos são sempre de todos. É uma das abordagens mais voltadas para o desenvolvimento, tanto do líder quanto dos liderados, que são parte fundamental em todos os processos. Entretanto, é importante que se deixe claro até onde vai a liberdade dos colaboradores, para que não aconteçam abusos.
 

Perfil do Líder Democrático

 
Para ser considerado democrático, um líder precisa ter certas atitudes perante sua equipe. Algumas das mais importantes são:
 
• Ouve e considera as opiniões dos seus colaboradores.
 
• Incentiva que todos se comuniquem abertamente e de maneira eficaz.
 
• Está aberto às mudanças que o mercado e o avanço da tecnologia impõem.
 
• Avalia seus colaboradores de forma contínua apontando onde podem melhorar.
 
• Incentiva o trabalho colaborativo entre seus liderados.
 
• Atua como um membro da equipe, sem parecer superior, mas não se envolve tanto nas atividades.
 
• Preocupa-se tanto com a execução das atividades quanto com o bem-estar dos colaboradores.
 

Vantagens da Liderança Democrática

 
A liderança democrática pode trazer diversas vantagens para uma empresa. Veja quais são elas:
 
• Ambiente amistoso e agradável de trabalho, o que torna os colaboradores mais produtivos e motivados.
 
• A equipe trabalhada de forma mais entrosada.
 
• Os funcionários se sentem valorizados, pois sabem que são verdadeiramente importantes para a empresa.
 
• As metas e objetivos são definidos coletivamente.
 
• Todos podem participar do processo de tomada de decisões e contribuir para uma boa gestão.
 
• Diferentes opiniões são respeitadas e agregam para o crescimento do grupo.
 
• O líder se torna uma fonte de inspiração para os liderados.
 

Desvantagens da Liderança Democrática

 
Assim como todos os tipos de liderança, a democrática tem, também, os seus pontos negativos, mas que podem ser contornados para que não prejudiquem a empresa e os envolvidos. Veja quais são as desvantagens dessa abordagem:
 
• As decisões podem levar mais tempo para serem tomadas, já que todos participam do processo.
 
• Em caso de divergência de opinião, é necessário realizar conciliações para que se chegue a um consenso.
 
• As minorias que tiveram que ser convencidas de algo podem ficar descontentes com a situação.
 
• Os colaboradores podem ter dificuldade para entender que sua participação tem tanta importância quanto a do líder.
 
• O líder deve estar sempre atento para identificar se algum colaborador está abusando da liberdade concedida.
 
• Pode acontecer de a equipe querer opinar em relação a outros setores que não fazem parte de sua alçada.
 

Dicas Para Uma Liderança Democrática Positiva

 
Depois de conhecer mais a respeito do modelo democrático de liderança, agora é hora de conferir algumas dicas para colocá-la em prática de maneira ainda mais eficaz. Comece conversando com a equipe e pedindo que cada um fale a respeito do que pensam sobre a empresa. Deixe-os à vontade para falarem sobre os pontos positivos e negativos. É importante que se prepare para ouvir tudo sem levar para o lado pessoal e absorver tudo aquilo que pode agregar para a organização.
 
Sempre que for pedir algo para o grupo, explique os motivos que o levaram a fazer tal solicitação. Isso é importante para manter a união e funciona como um fator de motivação, para que saibam a razão pelo qual estão fazendo aquilo. Na liderança democrática os colaboradores devem agir de forma consciente e não apenas cumprir as ordens que lhe são dadas.
 
Para evitar que alguns funcionários confundam a liberdade dada e cometam excessos, mantenha um tom profissional. O segredo para ser um bom líder democrático é encontrar o equilíbrio entre o bom relacionamento com todos e o excesso de intimidade. Por isso, evite brincadeiras de cunho pessoal e nem se exponha demais.
 
Esteja sempre atento principalmente àqueles colaboradores que são mais tímidos, pois eles costumam se manter mais reservados, mesmo em ambientes amigáveis, deixando de contribuir com suas ideias. Incentive-os a falaram, mas de uma forma sutil, sem pressionar. Muitos têm ideias incríveis, mas deixam de compartilhá-las por insegurança.
 
Por fim, escute sempre o que a sua equipe tem a dizer, mesmo que não concorde. O diálogo é primordial para que a liderança democrática renda bons frutos para a empresa. Um debate saudável pode resultar em soluções bastante positivas.
 
Qual a sua opinião sobre a liderança democrática? Deixe a sua opinião nos comentários abaixo.