Quais os impactos da revolução digital nas empresas?

Quais os impactos da revolução digital nas empresas?

A Revolução Digital é considerada como a Revolução Industrial moderna, pois tal qual como o processo de substituição da manufatura por máquinas, representa uma mudança profunda nas estruturas de produção do mercado. O principal ponto divergente quando comparamos a revolução dos computadores com as revoluções industriais anteriores está na velocidade com que as alterações se dão, teremos nas próximas duas décadas mais mudanças do que assistimos no último século inteiro.
 

Revolução Digital – As Pessoas na Rede

 
Conceitos como a internet das coisas (Internet of Things, IoT) que se refere à presença de tecnologia embarcada em objetos físicos, como prédios, veículos, entre outros, estão cada vez mais presentes em nosso dia a dia. Hoje, já podemos dizer que as pessoas estão na rede, já que se mantêm conectadas quase em tempo integral. Não há mais como pensar no mundo sem a internet.
 
Especialistas apontam que a Revolução Digital é responsável por mudanças significativas no modelo de desenvolvimento dos países e, obviamente, também afetam as corporações. O espectro de mudanças decorrentes do crescimento da presença digital em nossas vidas já estabeleceu novos caminhos para as companhias e promete se manter em um ritmo ainda mais acelerado nos próximos anos.
 

Como a Revolução Digital Irá Impactar as Empresas

 
Abaixo listei algumas projeções realizadas por estudos focados no futuro tecnológico das organizações. Saiba como o aumento do alcance da internet irá modificar as relações empresariais com os clientes.
 

Mundo todo conectado

 
Uma das projeções que mais tem despertado interesse é aquela que aponta que entre os anos de 2022 e 2025 toda a população do globo terá acesso a internet. A partir do momento em que até lugares que estavam à margem da conectividade terão acesso a rede, as companhias precisarão estabelecer uma visão mais próxima desse meio.
 

Interações através de máquinas

 
Mais um ponto bastante relevante que as estimativas aventaram foi o de que, até o ano de 2020, em torno de 85% das interações de clientes com empresas serão feitas através de máquinas. A qualidade desse atendimento será o grande diferencial em relação aos concorrentes. O conceito de Internet das Coisas se fortalece a cada ano aparecendo integrado em edifícios e até mesmo em lojas.
 

A comunicação do futuro será por mensagens de texto

 
Como você faz para se comunicar com uma empresa quando precisa de auxílio em relação a produtos ou serviços que adquiriu? Se respondeu através de ligação telefônica, saiba que está defasado, uma vez que o tipo de comunicação que já está sendo priorizada é a de envio de mensagens de texto. Para a geração dos millennials não há tempo para se manter preso ao fone.
 
Esse fato nos leva à principal tendência que deve tomar conta do meio empresarial na próxima década, que consiste no uso das redes sociais para oferecer suporte aos clientes. Atualmente, já existe uma valorização das companhias que se mostram disponíveis online para atender as demandas dos seus consumidores e que trabalham fortemente no pós-venda.
 

Crescimento das buscas por voz

 
O surgimento dos dispositivos de ambientes conectados por voz se deu no ano de 2014 e, embora não tenha tido grande impacto nessa época, agora se mostra como uma tendência que vai pegar nos próximos anos. O número de pessoas que faz buscas por meio do dispositivo de voz cresceu significativamente nos últimos anos, representando um caminho que deve ser observado pelas corporações.
 

Máquinas que tomam decisões

 
O segmento de tecnologia tem evoluído a passos largos e já promete algumas surpresas para o meio empresarial, como as máquinas que passarão a ter a capacidade de tomar decisões. Trabalhar num meio corporativo, em que máquinas têm um papel tão preponderante, demandará bom jogo de cintura e flexibilidade. As companhias devem atentar para o desenvolvimento de tecnologias como Big Data, Inteligência Artificial e Machine Learning.
 

Mudanças no mercado de trabalho

 
Se hoje em dia as pessoas passam vários anos frequentando escolas e universidades para estarem capacitadas para o mercado de trabalho, no futuro deverão ter o máximo de experiências profissionais quanto possível. Haverá uma alteração de valores em que será preciso trabalhar para aprender ao invés de aprender para trabalhar.
 

Líderes exponenciais

 
O líder do futuro é o líder exponencial, que é aquele que consegue realizar alterações no seu entorno por meio de mudanças em si mesmo. Os gestores de sucesso serão aqueles que promoverem a liderança por meio do exemplo. Cada vez mais, a gestão está ligada a coordenar os esforços das equipes e não mais a um papel de poder centralizador.
 

Novo perfil consumidor

 
Por fim, chegamos ao principal impacto gerado pela Revolução Digital, que diz respeito à criação de um novo perfil consumidor. Entender quem é o consumidor moderno e atender as suas demandas é fundamental para as companhias que desejam se manter operantes nas próximas décadas.
 
Se você gostou, compartilhe esse artigo com os seus amigos!