Conheça as obrigações fiscais e contábeis de uma empresa

Conheça as obrigações fiscais e contábeis de uma empresa

Todas as empresas brasileiras precisam pagar uma série de impostos para estarem em conformidade com as leis nacionais. Isso gera muitas dúvidas, principalmente entre os empreendedores iniciantes. Se esse é o seu caso, continue acompanhando e saiba mais sobre as obrigações fiscais e contábeis que sua empresa deve colocar em prática.
 

Principais Obrigações Fiscais

 
Confira quais são as principais obrigações fiscais que uma empresa tem que cumprir.
 

IRPJ – Imposto de Renda Pessoa Jurídica

 
Assim como as pessoas físicas, as pessoas jurídicas também precisam pagar imposto de renda. O tributo é cobrado sobre as empresas que estão sob os regimes de Lucro Real, Lucro Presumido e Lucro Arbitrado. No caso das empresas que fazem parte do Simples Nacional, o imposto é embutido em outras taxas.
 
O IRPJ é declarado trimestral ou anualmente e o percentual cobrado varia de acordo com o regime de tributação, porém geralmente o valor gira em torno de 15% do lucro do período.
 

CSLL – Contribuição Social Sobre Lucro Líquido

 
Este é um tributo criado para financiar a Seguridade Social e deve ser pago pelas empresas que estão sob os regimes de Lucro Real e Lucro Presumido. A Seguridade Social é um conjunto de medidas de política social a fim de oferecer amparo aos cidadãos brasileiros em situações como desemprego, doença e velhice (aposentadoria).
 
A porcentagem a ser paga pode variar de 9 a 20% do lucro líquido do período, que pode ser a cada três meses ou um ano. É importante que a empresa faça a opção do pagamento junto à Receita Federal.
 

PIS – Programa de Integração Social

 
Você provavelmente já ouviu falar a respeito do PIS, aquele abono salarial que os trabalhadores que ganham, até dois salários mínimos, recebem anualmente. A origem dele é um tributo pago pelas empresas todos os meses de 0,65% sobre o faturamento bruto. As empresas que estão sob o Simples Nacional realizam o pagamento do PIS juntamente com outros impostos.
 

COFINS – Contribuição Para o Financiamento da Seguridade Social

 
Assim como o CSLL, o COFINS também foi criado a fim de financiar a Seguridade Social e é calculado sobre a receita bruta da empresa todos os meses. As organizações que estão sob o regime de lucro presumido pagam 3% sobre seu faturamento e as que fazem parte do Simples Nacional realizam o pagamento juntamente com outros impostos.
 

IPI – Imposto Sobre Produtos Industrializados

 
O IPI incide sobre todos os produtos, sejam eles nacionais ou importados. Para realizar o cálculo é necessário levar em consideração o tipo de transação realizada e a natureza do produto. O imposto deve ser recolhido até 25 dias úteis após a compra ou venda da mercadoria. Sua função é controlar o comportamento do consumidor, que pode ser para estímulo ou redução do consumo.
 

Principais Obrigações Contábeis

 
Além de pagar impostos, uma empresa deve cumprir também suas obrigações contábeis, que são fundamentais para facilitar a fiscalização da arrecadação dos tributos. As mais importantes são:
 
Balanço Patrimonial: Sua principal função é mostrar o quanto uma empresa evoluiu durante determinado período de tempo. Geralmente é feito uma vez por ano.
 
DRE – Demonstração de Resultado do Exercício: Um relatório que sintetiza todas as atividades financeiras da empresa a fim de se constatar se houve lucro ou prejuízo. Também costuma ser feito anualmente.
 
DLPA – Demonstração dos Lucros ou Prejuízos Acumulados: Feito para registrar as mudanças que possam ter ocorrido no saldo de lucro ou prejuízo acumulado.
 
DMPL – Demonstração das Mutações do Patrimônio Líquido: É um relatório mais completo que mostra todas as movimentações realizadas no patrimônio líquido durante o ano. A DLPA pode ser incluída nesse mesmo demonstrativo.
 

A Importância de Ter uma Assessoria Contábil

 
Como você pode ver, uma empresa tem diversas obrigações fiscais e contábeis a cumprir. A lei também exige que todos os relatórios contábeis sejam assinados por um contador com CRC ativo, pois é ele quem irá se responsabilizar pelas informações contidas no balanço, na DRE, etc.
 
Quando for procurar por um serviço de assessoria contábil, tenha em mente o quanto um profissional dessa área poderá te ajudar no seu negócio como um todo. Escolher pelo menor preço talvez não seja a melhor opção, é fundamental que você pesquise e se peça sugestões de outros empreendedores para encontrar um contador que realmente faça a diferença na sua empresa.
 
Entre as vantagens de contar com um assessor contábil estão:
 
• Você terá o suporte de um profissional que tem experiência em lidar com outras empresas.
 
• Auxilio na tomada de decisões com base nas informações contábeis.
 
• Ajuda para escolher o regime tributário mais indicado para o seu negócio.
 
• Gestão financeira mais eficaz.
 
• Visão analítica e racional de um profissional experiente e que não tem envolvimento emocional com a empresa.
 
Como se pode ver, as vantagens são muitas. Portanto, não contrate os serviços de um contador apenas para cumprir a lei, pense no quanto esse profissional pode agregar à sua empresa.
 

Dicas Para Encontrar uma Boa Assessoria Contábil

 
• Faça uma pesquisa na internet, a grande maioria dos sites de escritórios de contabilidade conta com uma lista de clientes. Então, você poderá entrar em contato com essas empresas e pedir referências do profissional.
 
• É interessante buscar por um contador com experiência no seu ramo de atuação.
 
• Comparar preços é importante, mas não leve apenas isso em consideração ao se decidir. Lembre-se de comparar valores cobrados a empresas do mesmo porte que a sua.
 
Fique atento a tudo isso, aproveite estas dicas, contrate bons profissionais para auxiliar você e tome as decisões certas para sua empresa em relação às suas obrigações financeiras. Isso é essencial para o seu negócio. Fique de olho!