Como calcular o preço de venda de uma empresa?

Como calcular o preço de venda de uma empresa?

Elaborar o preço de venda de um negócio requer uma análise completa. Em uma economia competitiva, é fundamental que o valor de venda da sua empresa seja o mais alto possível, mas, claro, esteja dentro da média do mercado. Muitos proprietários de pequenas empresas consideram prudente contratar um profissional em avaliação de empresas para que ele forneça um valor ideal de venda. Realmente, um contador ou especialista em avaliar empresas poderá te ajudar a chegar ao melhor valor.
 
É importante ressaltar que, a menos que a sua empresa tenha capital aberto, não existe um valor exato pelo qual ela deve ser vendida. O que existem são técnicas de fazer o cálculo e chegar a um valor justo, considerando pontos importantes, como seus ativos, potencial de lucro, a presença da marca no mercado, etc. Continue acompanhando e saiba o que levar em consideração ao realizar o cálculo.
 

A Importância da Avaliação de Empresas

 
Mesmo que, no momento, a sua intenção não seja vender a empresa, calcular o seu valor pode ser bastante interessante. Essa informação pode ser usada em outras situações, como vender uma parte do negócio e firmar uma sociedade ou receber um aporte de investidores.
 
Se você não tem a intenção de vender toda a empresa e nem uma porcentagem dela, ainda assim é importante calcular o seu valor, pois, dessa forma, você saberá o que a torna mais valiosa e o que a prejudica. Entender como calcular o valor de uma empresa vai te trazer informações muito importantes, principalmente no que se refere às finanças, a fim de administrá-la com muito mais eficácia.
 

Informações Importantes ao Realizar o Cálculo de Valor de Uma Empresa

 

Demonstrações Financeiras

 
O primeiro passo para calcular o valor de venda de uma empresa é analisar os seus demonstrativos financeiros, como:
 
Demonstração de Resultados: Relatório que mostra a receita bruta, os custos, e quanto o seu negócio lucrou ou perdeu durante o ano.
 
Fluxo de Caixa: Mostra todos os valores recebidos de clientes e pagos a fornecedores durante o período.
 
Balanço Patrimonial: Mostra o valor de todos os ativos de propriedade da sua empresa já descontando o passivo, que é quanto o seu negócio deve.
 
Se você não tem conhecimentos contábeis, o seu contador poderá te ajudar a organizar todos esses demonstrativos financeiros.
 

Valor dos Ativos Tangíveis

 
É essencial listar o preço de todos os ativos físicos da sua empresa, incluindo móveis, acessórios, equipamentos e inventário, por duas razões:
 
• O valor dos ativos tangíveis é importante para os compradores de negócios, que vão exigir que você forneça uma lista completa com todos os ativos, incluindo os preços de compra e os valores atuais do mercado.
 
• O valor dos ativos tangíveis também é importante para você, para que considere essa informação ao definir por quanto irá vender a sua empresa a fim de recuperar o valor do seu investimento.
 

Potencial Lucrativo

 
Uma empresa não deve ser avaliada como um imóvel, em que são considerados apenas as suas características físicas, pois trata-se de um bem que tem potencial lucrativo, ou seja, de render mais dinheiro com o seu funcionamento. Por isso é muito importante contar com a ajuda de um profissional para que ele auxilie nos cálculos de potencial de lucros do negócio.
 
O fluxo de caixa é uma ferramenta extremamente importante para analisar o potencial lucrativo de uma empresa. Como ele possui todas as informações de entrada e saída de dinheiro, é possível utilizar esses dados para fazer previsões para o próximo ano, dessa forma você poderá chegar a um valor do quanto ela poderá render ao novo proprietário.
 

Taxa de Desconto

 
A taxa de desconto faz parte de um método de formação de preço de vendas de empresas chamado fluxo de caixa descontado. Consiste em utilizar a projeção do fluxo de caixa para os próximos anos com a redução de valores referentes aos riscos que envolvem a venda, como a depreciação e o custo de oportunidade, por exemplo.
 
Por mais que o fluxo de caixa mostre os possíveis valores que a empresa irá render nos próximos anos, não é possível ter certeza de nada. Por isso, os compradores costumam exigir que seja deduzida do valor uma taxa de desconto. Ela funciona como uma segurança para eles, para que, caso o negócio não dê certo como o esperado, tenham um prejuízo menor.
 
Como se pode ver, o cálculo de valor de uma empresa para venda é algo bastante subjetivo, pois enquanto os proprietários irão definir uma quantia mais alta, os compradores irão sempre querer baixar o preço. Por isso, para chegar a um valor justo para ambas as partes, contar com a ajuda de um contador ou outro profissional com experiência nesse tipo de cálculo é muito importante. Ele irá evitar que você tenha prejuízo com a transação e também irá te ajudar a chegar a um valor que esteja dentro da realidade do mercado.
 
Você já vendeu uma empresa? Se sim, como fez para chegar ao valor de venda? Compartilhe sua experiência comigo nos comentários.