Do inferno ao céu. Esta é a frase que Poliana Sicchieri, administradora-executiva do grupo JA utiliza para descrever a mudança em seus negócios após a participação no Programa Acelerador Empresarial do Marcus Marques, mentor de pequenas e médias empresas. A executiva buscou esta mentoria para otimizar o crescimento da Cera Marroquina, companhia desenvolvedora de cera depilatória, que possui matriz em Ribeirão Preto, interior de São Paulo, e três filiais na mesma região, além de seu produto ser utilizado por 5.000 salões de beleza em todo o território nacional.

Outro fator que motivou a empresária a participar deste programa de capacitação de empreendedores foi a dificuldade que o salão Marroquina Depil Center estava enfrentando pela segunda vez. “A empresa existe há 35 anos e, em 2002, passamos por momentos financeiros difíceis. O que nos obrigou a ir em busca de um diferencial, foi quando desenvolvemos a cera marroquina para uso próprio, como forma de alavancar os negócios. Mas, acabamos percebendo que apenas o produto não nos daria resultados, precisávamos construir um modelo de gestão eficiente. Para isso, fomos em busca de conhecimentos tanto nacionais como internacionais”, afirma Poliana. “Nesta época, conseguimos mudar o cenário do salão e manter um alto padrão até o começo da crise no final de 2014, quando caímos novamente”, complementa.

Mesmo tendo investido 1 milhão de reais em cursos, treinamentos e workshops no passado, a empresária não estava conseguindo administrar os seus negócios de forma efetiva. Com redução no faturamento de 40%, perda de clientes e falta de engajamento da equipe, Poliana resolveu reiniciar sua procura por mais ensinamentos.

“A primeira coisa que eu pensei quando conheci o Marcus Marques foi em como uma pessoa tão jovem pode agregar à minha extensa bagagem de conhecimentos”, revela a executiva. A partir de uma explicação séria, profissional e entusiasta de como utilizar as ferramentas, Poliana decidiu aderir este ano ao Programa Acelerador Empresarial. “O diferencial do Marques é que ele pega a teoria de gestão e transforma em ferramentas práticas simples e claras. Todo o conhecimento estava dentro de mim, mas eu não tinha ideia em como aplicá-lo”, afirma.

De acordo com o mentor, os principais problemas que as duas companhias do grupo JA enfrentavam era a centralização de tarefas e uma visão limitada. “Quando o empreendedor é muito operacional, acaba centralizando as atividades e se esquece de focar no que realmente importa para fazer o negócio crescer. O trabalho é de fazer a empresa funcionar e não sobra tempo de fazê-la crescer”, explica Marques.

Outro ponto observado é que muitos empresários acabam limitando suas visões porque não trocam informações e boas práticas. É necessário investir um tempo para o networking e trabalhar com as melhores práticas do mercado.

Tanto para a empresa Cera Marroquina como para a Marroquina Depil Center, as soluções para vencer estas dificuldades foram implantar uma cultura organizacional e uma comunicação mais clara nos empreendimentos. “Nós percebemos que os projetos para as empresas e os planos para o futuro estavam todos na cabeça do meu marido, responsável por gerir o grupo comigo. As vontades e expectativas dele não estavam claras nem para mim e nem para os funcionários”, afirma Poliana. A partir do Canvas, uma das ferramentas do Programa Acelerador Empresarial, o casal conseguiu mapear a visão, missão, valores e próximos passos das empresas. Em seguida, passaram estas informações para o papel e formularam o manual de cultura e clareza organizacional.

“Esta atitude foi fundamental para alavancar os negócios. Neste momento, todos passaram a se engajar no projeto. As metas começaram até a ser cumpridas. O que não acontecia há muito tempo”, revela a executiva. Em um mês, o salão de beleza passou de 40 clientes por mês a 40 atendimentos por dia, aumentou o faturamento em 50%, conseguiu uma equipe totalmente integrada e uma melhoria na comunicação. Enquanto que a cera marroquina teve uma ampliação da procura de franquias.

Ao todo, o Grupo JÁ possui sete empresas. Atualmente, além destas duas iniciais, os conhecimentos adquiridos durante o programa foram expandidos para a Universidade do Empreendedor da Beleza (Unieb), o Treinamento Cera Marroquina, a segunda filial do Marroquina Depil Center e para as três operações do Cera Marroquina. Resultando em 120 prestadores de serviços beneficiados.

A meta futura da Poliana é transformar os seus negócios em multimilionários em cinco anos. Mas, com este programa de capacitação, a expectativa é de que este tempo seja otimizado e dentro de um ou dois anos o objetivo seja alcançado.

Para Marcus Marques, é importante que os pequenos e médios empresários conheçam as ferramentas certas porque são ensinamentos que vão além de uma teoria. “Assim como a Poliana, muitos donos de PME’s vão à busca de conhecimentos capazes de mudar o patamar de seus negócios, mas, quando passam para a prática podem encontrar algumas dificuldades. O que acontece com frequência é o executivo acreditar ter internalizado os conhecimentos e no momento de aplicá-los, confundir a melhor ferramenta para cada situação”, afirma. “O ambiente de sala de aula é sempre diferente da realidade. O cotidiano está lotado de imprevistos e a mentoria auxilia a entender as melhores decisões”, completa.

Sobre Marcus Marques

Empreendedor, autor, publicitário com pós-graduação em Gestão de Pessoas, Psicologia Positiva e Coaching e MBA em Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas – FGV e pela Ohio University. Possui formação e certificação multidisciplinar em PNL, Liderança, Marketing Digital, Empreendedorismo, Modelo de Gestão Disney, Perfis Comportamentais (DISC), Andragogia e Treinamento Comportamental. É mentor e coach de donos de pequenas e médias empresas e diretor-executivo do Instituto Brasileiro de Coaching – IBC, a maior empresa de Coaching & Desenvolvimento Humano do Brasil.

Contato Assessoria de Imprensa

Karin Dalle – [email protected]

Mayra Ribeiro – [email protected]

(11) 4318-0890