Comissão de vendas - Conheça alguns tipos

Comissão de vendas - Conheça alguns tipos

A comissão de vendas é uma das estratégias mais assertivas para quem deseja impulsionar o volume de conversões e melhorar a satisfação dos clientes. Trata-se de um incentivo para que os vendedores se dediquem ao desenvolvimento de estratégias com maior potencial de sucesso. Existem diferentes tipos de comissões e a sua companhia deve conhecer todos eles antes de fazer a sua escolha.

7 Tipos de comissão de vendas: Conheça e escolha a melhor para a sua empresa

Há diferentes formas de estabelecer recompensas para estimular a motivação dos seus vendedores, a seguir vou apresentar algumas delas para que seja mais fácil escolher aquela que se encaixa melhor nos padrões da sua companhia.

1 – Comissão por vendas realizadas

O mais simples dentre os sistemas de recompensa, consiste em atribuir uma porcentagem sobre cada venda realizada pelo vendedor. Esse valor pode ser pago no momento da venda ou então somado ao salário.

Os empreendedores que trabalham com produtos caros e cuja margem de lucro é baixa devem evitar esse sistema, pois ele pode se tornará contraproducente haja vista que a sua venda resultará numa margem de lucro baixa que deverá cobrir o custo e ainda realizar o pagamento de uma porcentagem ao vendedor sobrando bem pouco para a companhia.

2 – Comissão pura

Trata-se de um sistema em que o vendedor recebe somente as comissões das vendas realizadas. Para assegurar condições mínimas para esses profissionais a legislação brasileira determina que os vendedores que não conseguirem vender o suficiente num mês têm direito a um salário mínimo. Os colaboradores certamente vão se esforçar para fazer o seu melhor para vender mais.

O cuidado fica por conta de fiscalizar e estimular o uso de estratégias lícitas para convencimento dos clientes. Lembre-se que tudo o que o vendedor promete e oferece em nome da sua empresa ficará associado à imagem da mesma. Outro ponto é certificar-se que outras tarefas como fazer ligações e treinamentos não estão sendo deixados em segundo plano para fechar mais vendas.

3 – Salário base somado às comissões

Mais um sistema bastante utilizado, tem como foco o estabelecimento do pagamento de um salário base mais o valor de comissões. Nesse caso a comissão pode ter um valor fixo ou variável. A comissão fixa consiste numa porcentagem previamente estabelecida que é aplicada sobre o valor da venda.

Já a comissão variável é uma porcentagem que muda de acordo com o estabelecimento de metas pela gestão da companhia. Para que fique mais claro vou exemplificar, um vendedor que vende 10 bolsas de alto padrão receberá porcentagem de 5%, conforme ele conseguir vender mais bolsas mais a porcentagem irá aumentar.

A comissão variável funciona como um bom estímulo para que os vendedores se esforcem em vender mais, afinal quanto mais venderem mais irão receber de recompensa. O salário base é outro estímulo relevante, demonstra que o empregador reconhece o esforço do profissional para chegar ao resultado final que é a conversão. Com um salário fixo fica mais fácil negociar comissões flexíveis.

4 – Comissão por margem de lucro

Nesse sistema o vendedor tem direito a uma porcentagem fixa para cada venda que ele realiza, porém, o valor dessa comissão será atribuído por meio de cálculo do lucro obtido pela companhia no final do mês. Dentre os tipos de comissão de vendas dessa lista é considerado como um dos mais sustentáveis uma vez que tem seu cálculo feito sobre a lucratividade do empreendimento. Num contexto em que o produto tem valor de mercado de R$ 1 mil, gera lucro de R$ 500,00 e o vendedor recebe uma comissão de 10% haverá uma comissão de R$ 50,00 por venda.

5 – Comissão sobre faturamento

O cálculo da comissão sobre faturamento deve ser feito considerando o que a companhia faturou no mês anterior. Vale mencionar que se entende por faturamento o valor total de vendas antes da subtração dos custos e que esse montante pode ser acrescido por outras fontes como royalties, taxas e venda de ações. Num caso em que uma companhia faturou R$ 100 mil num mês e a comissão dos colaboradores é de 4% haverá pagamento de comissão de R$ 4 mil.

6 – Comissão escalonada

Tipo de comissão de vendas que aumenta progressivamente a porcentagem que deverá ser paga ao colaborador. Exemplificando, o vendedor que converte um valor mínimo X de vendas recebe 2% de comissão enquanto que aqueles que conseguem vender entre X e Y recebem 3%, aqueles que ultrapassam a meta Z recebem 4% e assim sucessivamente. Um sistema de comissão que incentiva os vendedores a fazerem o seu melhor para vender cada vez mais.

7 – Comissão por recebimento

Uma excelente alternativa para as organizações que realizam vendas a prazo e que parcelam o valor de seus produtos. Nesse modelo é possível controlar com mais assertividade o capital que entra na sua companhia uma vez que os valores são repassados para os colaboradores quando entram de verdade no caixa.

Gostou dessas dicas a respeito dos tipos de comissão de vendas? Deixe seus comentários abaixo! 

Copyright: 1190902945 – https://www.shutterstock.com/pt/g/tarikvision