As amizades dentro da empresa devem ter limites?

As amizades dentro da empresa devem ter limites?

As pessoas passam tanto tempo no trabalho que é natural e, muitas vezes até inevitável, que surja uma relação maior do que apenas o coleguismo, chegando ao nível de amizade. Muitas vezes isso é um ótimo sinal, pois mostra que você é uma pessoa aberta, que tem um bom engajamento e facilidade de criar e manter relacionamentos.
 
Quando falamos em amizades no trabalho é natural que, em nossa empresa, dado ao tempo que nossos colaboradores convivem e interagem neste ambiente, que seus relacionamentos interpessoais extrapolem o mero coleguismo.
 
Isto é altamente significativo, pois mostra que a atmosfera em seu empreendimento é bastante positiva e que é um ambiente saudável e amigável para trabalhar. Entretanto, até que ponto isso é realmente bom ou ruim para o seu negócio? Vamos refletir sobre isso!
 
Geralmente o que liga as amizades é sempre a fraternidade, companheirismo, admiração, transparência, porém dentro do trabalho isso pode vir a ficar um pouco enfraquecido devido a diversos fatores, principalmente o da competição; elemento este que pode até estar implícito, mas nunca ausente.
 

É nessa hora que você deve se perguntar: é importante que haja limites entre as amizades feitas no ambiente de trabalho?

 
Como qualquer outro relacionamento entre amigos, os que são construídos na empresa também podem gerar determinados tipos de conflitos entre os seus colaboradores. Consequentemente, isso pode ser altamente contraprodutivo, uma vez que esta desarmonia nas amizades no trabalho pode prejudicar os colegas na realização do trabalho em equipe, o foco e o desempenho destes profissionais, por exemplo.
 
Para evitar isso, existem alguns limites que devem ser respeitados para que tanto a amizade, quanto o trabalho possam sobreviver em completa harmonia. Sendo assim, eu separei algumas dicas para te ajudar a agir sempre com profissionalismo, para construir boas amizades no trabalho sem deixar que problemas desta natureza interfiram negativamente em sua atuação. Confira!
 

Dicas para ter amizades saudáveis no trabalho

 
À medida que a proximidade e a intimidade com os colegas de trabalho aumentam, é importante redobrar a atenção para que não haja excessos no relacionamento. Isso ajudará você e seu amigo a continuarem focados no trabalho, sem atrapalhar a vida profissional e a amizade.
 

Estabeleça limites

 
Para não perder o foco e nem a produtividade é necessário que alguns limites existam. Durante o expediente só converse sobre assuntos pertinentes a instituição ou a vida profissional. Reserve momentos específicos para conversar sobre aleatoriedades, como na hora do almoço, ou após o trabalho.
 

Fique longe das fofocas

 
Além de ser um comportamento antiético, a fofoca prejudica sua imagem e o andamento do seu trabalho dentro da empresa. Se posicione contra esse tipo de atitude e não dê abertura para que os colegas/amigos venham falar com você sobre determinados assuntos que difamam outras pessoas.
 
Procure preservar sua vida pessoal dentro do ambiente corporativo. Evite compartilhar informações pessoais excessivamente. Guarde suas informações individuais para outro momento. É claro que você acabará fazendo laços fortes de amizade, mas lembre-se das dicas acima, separe as duas coisas e estabeleça os devidos limites.
 
É comum existir disputa e competitividade entre os colegas de trabalho, mas é importante que essa seja sadia, ou seja, não extrapole os limites do bom senso. Isso evita que problemas interpessoais entre amigos venham a contaminar o ambiente de trabalho e os seus resultados funcionários.
 
A amizade surge muitas vezes através da afinidade, mas ninguém é igual a ninguém. Por isso, não deixe que as pequenas ou grandes diferenças atrapalhem o seu trabalho. Saiba aceitar a diferença alheia. Isso é um objeto de suma importância, pois te ajudará a evoluir tanto como profissional (dentro da empresa), quanto como pessoa (dentro e fora da organização).
 

Saiba ouvir e procure evitar qualquer discussão

 
Discutir pode deixar os ânimos exaltados e nem sempre é o melhor remédio, pois leva às pessoas a um estágio de irritação alto. Por isso, tente ouvir às pessoas ao seu redor. Pratique o diálogo. Essa sim é sempre a melhor das soluções para os momentos onde as opiniões são divergentes.
 

Saiba separar os relacionamentos

 
O bom profissional e amigo é aquele que sabe separar as questões pessoais das profissionais para não prejudicar a si mesmo, nem a empresa e nem as pessoas ao seu redor.
 

Não faça da amizade um escudo

 
É importante entender que a amizade não é motivo para encobrir os erros dos colegas, nem pedir para que eles façam isso por você. Esse tipo de atitude pode prejudicar a todos os envolvidos, além de afetar a empresa em vários aspectos.
 
Não se feche a um determinado grupo de amizade que você criou no ambiente de trabalho. Saiba se relacionar e manter o respeito para com os outros colegas de trabalho que você não tem tanto contato. Isso pode te ajudar em assuntos que você pode não ter tanto domínio e vice-versa.
 
Seguindo as dicas acima, você, com certeza, conseguirá manter relacionamentos saudáveis, maduros, sem que esses possam vir a atrapalhar sua vida profissional. Pelo contrário, poderão até ajudar e quem sabe durar por toda uma vida.