Baixo Salário - Como economizar?

Baixo Salário - Como economizar?

Você tem um baixo salário e não consegue fazer com que ele dure o mês todo? Saiba que é possível conquistar estabilidade financeira mesmo não ganhando um salário alto e até economizar para realizar sonhos como comprar a casa própria, trocar de carro e fazer uma viagem incrível com a família. Tudo depende de adequar o estilo de vida aos seus ganhos e fazer uma boa organização financeira do seu dia a dia.

Baixo salário: 5 dicas de como fazê-lo render o mês todo

Quantas vezes você viu o salário acabar antes do último dia do mês? Se essa é uma realidade constante na sua vida não desanime, pois com organização e planejamento é possível sair do vermelho e ainda se programar para realizar sonhos. Abaixo listei 5 dicas para você organizar as suas finanças ainda que ganhe pouco.

1 – Coloque tudo na ponta do lápis

A primeira coisa que você deve fazer para organizar a sua vida financeira é saber exatamente qual é a sua situação, ou seja, quanto você ganha e quanto você gasta. Não precisa se assustar se você não é exatamente especialista em cálculos, basta anotar durante um mês os gastos do dia a dia e comparar com o seu salário.

A partir dessa simples comparação você conseguirá ter uma ideia do quanto seu estilo de vida está adequado ao seu salário. Observe se existe déficit, isto é, se você gasta mais do que ganha e tente identificar nas anotações quais são os gastos que podem ser eliminados ajudando a colocar as finanças em dia. Uma boa estratégia somente pode ser traçada quando se sabe qual é o cenário que se tem.

2 – Pesquise preços

Para que seu salário renda o mês todo e você consiga passar bem todas as semanas dele é essencial fazer pesquisas de preços antes das compras. Isso vale tanto para as compras constantes como a de supermercado como para aquelas pontuais como a de um computador novo, por exemplo.

Atualmente, há ferramentas de comparação de preços virtuais que te ajudam a verificar onde o item que você está procurando sai mais barato. Não é necessário abrir mão de marcas de qualidade quando se tem um pouco mais de empenho para encontrar as opções mais em conta. Não tenha vergonha de pechinchar e pedir descontos especialmente em estabelecimentos que frequenta com frequência.

3 – Cuidado com o cartão de crédito

Muitas pessoas que têm baixo salário caem na armadilha do cartão de crédito para manter um estilo de vida mais caro do que podem manter, o problema é que em algum momento a dívida acaba estourando e prejudicando o bom andamento da vida financeira. A dica é aprender como usar esse recurso de forma correta evitando que os seus juros tirem o seu sono.

O primeiro ponto é entender que o cartão de crédito deve ser usado somente para alguns tipos de compras, quando você precisa adquirir um item caro e não pode pagar a vista pode aproveitar o parcelamento. Evite pagar até o cafezinho no crédito, pois são esses pequenos gastos (muitas vezes invisíveis) que fazem sua fatura sair do controle. Outro critério relevante para o uso do crédito é terminar de pagar uma compra cara antes de fazer outra.

4 – Guarde uma parte do salário

Parece impossível fazer uma reserva financeira ganhando pouco? Saiba que depende da forma como você pretende poupar, não precisa fazer volumosos aportes na conta corrente. A dica é ter um cofrinho para moedas em casa (guarde as moedinhas de troco do ano todo e tenha uma surpresa ao abri-lo no fim do ano), fazer pequenas transferências para a poupança (pode ser o que sobrar após pagar as contas fixas e se dar o direito de ter um pouco de divertimento) e assim por diante.

De pouco em pouco você irá construindo uma reserva financeira significativa para te ajudar no futuro, afinal imprevistos podem acontecer. Com essa reserva você garante que não precisará recorrer a empréstimos financeiros com juros elevados e nem com o uso do cheque especial ou do cartão de crédito.

5 – Divirta-se com planejamento

A última dica para fazer com que seu salário renda é separar uma parte, previamente calculada, para sua diversão. Sair com os amigos, comprar uma roupa nova, almoçar num lugar mais caro uma vez a cada quinzena entre outros mimos são importantes para manter a sua saúde mental e tranquilidade para continuar trabalhando.

Porém, é aí que muitas pessoas se perdem, pois acabam gastando mais do que devem complicando o restante da sua vida financeira. O ideal é entender quanto você pode investir em diversão sem deixar de manter as contas fixas em dia e nem descuidar da sua reserva de emergência.

Gostou das dicas de como fazer um baixo salário render o mês todo? Comente e compartilhe em suas redes sociais! 

Copyright: 238100128 – https://www.shutterstock.com/pt/g/Yulia+Grigoryeva