Saiba como funciona o Adiantamento Salarial

Saiba como funciona o Adiantamento Salarial

O adiantamento salarial pode ser uma ajuda e tanto na organização financeira de muitas pessoas. As contas não param de chegar somente porque já passou o dia de pagamento e dependendo da dificuldade para quitar todas as pendências é possível que o indivíduo se torne alheio as suas tarefas pela grande preocupação. As empresas têm muito a ganhar auxiliando seus colaboradores por meio da concessão do chamado ‘vale’.

Adiantamento salarial: tudo que você precisa saber a respeito

A seguir vou apresentar em tópicos os principais pontos referentes ao adiantamento salarial para tornar a concessão de vales mais organizada para a companhia e para os colaboradores.

– O que é?

Basicamente o adiantamento salarial é o recebimento de parte do salário antes do dia do pagamento, o que se chama popularmente de vale. Esse valor recebido antes é subtraído do valor pago no dia oficial de pagamento.

– Regras

No texto da CLT não há o estabelecimento de regras para a concessão de adiantamentos, as organizações podem realizar de acordo com um sistema próprio ou observando acordos de classe e convenções sindicais. Conforme a CLT o salário tem finalidade alimentar, ou seja, é utilizado pelo trabalhador para levar comida para sua mesa de forma que é possível fazer acordos para a concessão de vales.

– Há percentual de adiantamento?

A lei não determina um percentual para ser adiantado ao trabalhador, contudo, muitas empresas estabelecem o valor de 40% do salário. É interessante que a companhia demonstre interesse pela saúde financeira de seus colaboradores determinando valores que não impactem o mês seguinte pela redução substancial do pagamento. Se houver um percentual definido por acordo de classe é necessário que a organização respeite esse valor.

– Concessão de adiantamento

Ao conceder um adiantamento para um colaborador da empresa é necessário abrir essa possibilidade para todos exceto numa situação extraordinária como, por exemplo, um funcionário que está com algum problema de saúde na família e necessita de um vale.

Geralmente nesse tipo de situação os demais colegas compreendem que o adiantamento está sendo concedido por motivo de força maior e abrem mão de receber antecipadamente. Numa situação em que não seja possível oferecer adiantamento salarial a todos é válido ter uma conversa franca de porque alguns receberão os vales e outros não.

– Recusa ao adiantamento

Alguns funcionários podem preferir receber o salário integralmente na data convencional, nesse caso a companhia não pode tentar obrigá-los a pegar os vales. Lembre-se que cada um sabe como organizar a sua vida financeira de forma satisfatória e acordo com as suas necessidades. A empresa deve ter um registro de todos os que aceitaram a concessão e dos que não aceitaram.

– Data de recebimento de adiantamento

Não existe uma regra sobre o dia para solicitação e retirada do adiantamento, mas geralmente as organizações concedem os vales entre os dias 15 e 21 do mês quando o salário é pago entre os dias 31 e quinto dia útil do mês seguinte.

Porém, algumas situações emergenciais não escolhem dia para acontecer e os funcionários podem fazer seus pedidos fora da data previamente estabelecida. Cabe ao gestor analisar se é realmente imprescindível para o indivíduo receber o valor adiantado.

– Descontos

Ressalto que o adiantamento salarial terá os mesmos descontos do salário convencional, pois trata-se da concessão de parte do pagamento antes da data oficial. Esse é um ponto que deve ser devidamente explicado para os funcionários para não abrir brecha para algum tipo de confusão.

– Procedimentos do RH

É importante que todos os procedimentos como registro da concessão dos vales sejam realizados assertivamente pelo departamento de recursos humanos. Isso é crucial tanto para manter as finanças da organização sob controle e também comprovações de que os funcionários já receberam parte do salário.

Adiantamento salarial não é obrigatório, mas é bem-vindo

Como mencionei ao longo desse artigo o adiantamento salarial não é uma obrigação das companhias, mas é muito bem-vindo para manter seus colaboradores focados na realização do seu trabalho. Ter problemas financeiros é algo que tira o sono e a concentração de qualquer pessoa então cabe aos gestores pensar com carinho sobre a concessão do vale.

Algumas empresas inclusive desenvolvem um diálogo franco com seus funcionários que recebem até mesmo orientação financeira quando solicitam adiantamentos em decorrência de alguma dificuldade. Considere ainda que algumas pessoas podem precisar de disponibilidade de capital em momentos distintos do mês devido a contas que chegam em dias distintos.

Conversando com os funcionários é possível chegar a soluções satisfatórias para todos. Todo mundo passa por momentos financeiros mais turbulentos, o mais importante é saber como se organizar para deixar essa tensão no passado e poder focar em realizar seu trabalho com ainda mais empenho alcançando ainda mais sucesso.

Gostou de saber mais sobre adiantamento salarial? Deixe seus comentários abaixo e compartilhe em suas redes sociais!

 

Copyright:  521200435 – https://www.shutterstock.com/pt/g/bluedogroom