Conheça os prejuízos que um chefe centralizador trás para a empresa

Conheça os prejuízos que um chefe centralizador trás para a empresa

Um dos erros mais comuns que um gerente pode cometer é o de manter uma postura centralizadora e não delegar. Esse tipo de chefe pode trazer diversos prejuízos para uma organização e toda sua equipe, pois ele não dá abertura para que nenhum colaborador se desenvolva. No artigo de hoje darei dicas de como lidar com chefe autoritário e o que fazer para evitar esse tipo de profissional dentro da sua empresa. Confira!
 

As Atitudes Comuns de um Chefe Centralizador

 
As pessoas centralizadoras são aquelas que confiam apenas em si para a realização de tarefas importantes e demonstram esse comportamento tanto na vida pessoal quanto profissional. É um tanto quanto difícil lidar com indivíduos que possuem esse perfil, já que não costumam dar espaço para ninguém intervir sobre o que estão fazendo. No âmbito corporativo, a centralização é uma característica bastante prejudicial em relação à união da equipe e outros aspectos.
 
Algumas das características mais comuns entre chefes centralizadores são:
 
1-  Não fornecem as informações necessárias para que os outros membros da equipe consigam realizar determinada tarefa.
 
2-  Por insegurança e medo de perder a posição, não delegam tarefas e tentam realizar tudo sozinhos.
 
3-  Impedem que os colaboradores se desenvolvam dentro da empresa por não dar autonomia a eles.
 
4-  Não se comunicam de forma eficaz com seus subordinados e não dão abertura para o diálogo.
 
Essas características são extremamente prejudiciais para a organização. Porém, saiba que as pessoas ao redor, incluindo você, podem contribuir para que esse chefe mude sua atitude. Mais adiante darei dicas de como lidar nesse tipo de situação da melhor maneira possível.
 

Prejuízos Que um Chefe Centralizador Traz Para a Empresa

 
Toda empresa precisa de pessoas que tenham maiores responsabilidades e mantenham tudo funcionando da maneira certa. Porém, o excesso de controle pode trazer inúmeros prejuízos para uma organização. Os problemas mais graves incluem:
 
Demora Para Realizar Tarefas: Como querem sempre realizar as tarefas mais importantes pessoalmente, acabam demorando mais para conseguir fazer tudo com o qual se comprometem.
 
Equipe Desmotivada: Sem oportunidades de se desenvolver, os colaboradores se sentem desmotivados, pois dependem sempre das decisões do chefe para poderem agir. Isso faz com que a empresa fique estagnada, já que os profissionais não encontram espaço para inovar.
 
Clima de Insegurança: Um chefe que não tem uma boa relação com seus subordinados cria um clima geral de insegurança, pois todos têm medo dele. Dessa forma, o trabalho não flui como deveria e se perde grandes oportunidades de crescimento.
 
Desperdício de Talentos: Muitas empresas possuem talentos que não são aproveitados, pois ficam escondidos sob o ego de chefes centralizadores.
 
Falta de Inovação: Quando sempre as mesmas pessoas são as responsáveis por tomar decisões, as chances de manter tudo sempre igual são muito grandes. No mercado competitivo atual em que vivemos, quem não investe em inovação fica para trás e perde espaço para a concorrência.
 
Perda de Vendas: As empresas que mais vendem são aquelas que oferecem o melhor atendimento ao cliente e quando há centralização de tarefas e decisões, tudo passa a depender de uma única pessoa. Assim, os processos se tornam mais lentos e abre-se espaço para os concorrentes.
 
Redução da Produtividade: Uma equipe costuma ser o espelho de seu chefe, então, se ele não souber liderá-la de maneira eficaz, os colaboradores ficarão cada vez mais desmotivados e, consequentemente, produzirão menos.
 

Como Lidar Com Chefe Autoritário e Centralizador

 
Se você está passando por uma situação complicada por ter um chefe centralizador e autoritário, saiba que é possível tomar algumas medidas para resolver isso sem ter que mudar de emprego. Em primeiro lugar, pare para pensar nesse chefe e no contexto no qual ele está inserido. Ele é novo na empresa? Tem bastante experiência na área? Digo isso porque é bastante comum que pessoas se sintam inseguras ao assumir um cargo de gerência. Então, acabam se tornando autoritárias como uma forma de defesa e, também, por medo de delegar tarefas e elas não serem realizadas como deveria.
 
Caso perceba que realmente se trata de um caso de insegurança, aconselho que mude a sua atitude em relação ao seu chefe, pois esse é o primeiro passo para promover uma mudança no comportamento dele também. Lembre-se que você sabe da sua capacidade, mas ele não, então é importante que mostra a ele, mantendo uma boa comunicação e deixando claro tudo o que pretende fazer. Assim, conseguirá conquistar a confiança do seu gerente e poderá contribuir para que se torne menos centralizador e comece a delegar mais.
 
Um erro muito comum é que os colaboradores insatisfeitos com o chefe fiquem de braços cruzados apenas reclamando uns com os outros. Mas, devemos ter sempre em mente que, se queremos que alguém mude em relação a nós, devemos promover essa mudança, começando pelo nosso comportamento e atitudes. Nem sempre isso trará os resultados esperados, mas pelo menos saberá que fez a sua parte.
 
Você já passou por uma situação de ter que lidar com um chefe centralizador e autoritário? Compartilhe sua experiência comigo nos comentários!