Erros que podem acabar com o engajamento da fanpage do seu negócio

Ter uma fanpage no Facebook deixou de ser um diferencial para se tornar uma obrigatoriedade para as empresas, pois o público está nas redes sociais de maneira que a marca precisa ser vista nesse canal. Contudo, além de criar a fanpage é necessário se certificar de que ela vai gerar engajamento para o seu negócio, ou seja, funcionar como uma base para fortalecer a relação com o público.

6 Erros que podem impactar no engajamento da fanpage da sua empresa

As fanpages podem criar um canal direto de comunicação com o seu público, no entanto, é crucial saber como utilizar assertivamente as ferramentas disponíveis para ter o retorno desejado. A seguir listei os 6 principais erros que podem comprometer o engajamento da página da sua companhia no Facebook reduzindo o número de fãs e comentários nas postagens.

1 – Falta de definição de uma persona

O conceito de persona é bastante relevante quando se trata de definir um posicionamento para a fanpage do seu negócio porque permite traçar um perfil do cliente ideal, ou seja, saber quem é a pessoa com quem as postagens devem dialogar.

Devo deixar claro que persona não é o mesmo que público-alvo pelo fato de focar em questões mais profundas observando mais de perto os dados como idade, profissão e sexo além de comportamentos de compra.

Não ter uma definição de persona é um grande erro para a fanpage, pois é esse perfil que irá direcionar o estabelecimento de estratégias e ações a serem tomadas. Lembre-se que não tem como agradar todo mundo então o mais importante é acertar com quem realmente importa.

2 – Conteúdo com falta de qualidade

Para que uma página gere engajamento é necessário que tenha postagens interessantes suscitando curtidas, comentários e compartilhamentos. As companhias devem ter como objetivo serem vistas como autoridades em suas áreas de atuação, somente com conteúdos relevantes isso será possível. Os consumidores se sentirão mais inclinados a comprar de marcas que geram confiança a respeito do que fazem.

3 – Falta de frequência de publicações

Redes sociais demandam regularidade de postagem, ou seja, não dá para fazer 5 postagens num dia, sumir por uma semana e retornar com mais 5 postagens. O equilíbrio é essencial, as pessoas que curtiram a fanpage devem receber atualizações constantemente para se lembrar da sua marca, mas sem se sentir incomodadas com uma frequência exagerada.

Ao invés de 5 postagens num único dia o mais indicado é fazer um post diário evitando o desaparecimento. A página deve estar atualizada, mas sem poluir o feed dos seguidores. Retomando a dica sobre a persona é válido analisar quais são os melhores horários para impactar esse perfil. Não adianta fazer posts relevantes num horário em que as pessoas do seu interesse não estão online.

4 – Fazer tudo sempre igual

O Facebook permite que sejam feitas postagens com formatos variados como imagens, vídeos e textos então evite que a sua fanpage se torne ‘engessada’. Os seguidores gostam e esperam ser surpreendidos com posts que despertem a sua curiosidade e os instiguem a pensar de maneira diferente. Ao perceber que o feed da página caiu na mesmice pense numa forma de transformá-lo.

5 – Fazer somente posts publicitários

Você deve estar pensando, mas se a fanpage é da minha empresa deve falar sobre ela. Porém, considere que na internet as pessoas podem escolher e mudar de página quando desejarem de maneira que precisam ser convencidas a ficar e prestar atenção no conteúdo da sua marca. Fazer apenas posts de ofertas de produtos/serviços torna a página um pouco chata para grande parte do público.

Para reter a sua audiência forneça a ela conteúdo de qualidade que tenha relação com o seu segmento de atuação. Por exemplo, uma marca de roupas pode fazer posts ensinando a como usar as principais tendências de moda dessa estação. O conteúdo apresenta os produtos, mas também fornece uma informação relevante para o público que se pretende atingir. É melhor do que apenas postar fotos das peças com destaque para os preços promocionais.

6 – Delegar a produção de conteúdo para a pessoa errada

Os empresários devem ter bem claro que o conteúdo da sua fanpage vai muito além de simplesmente postar no Facebook. Não é uma tarefa que pode ser delegada para qualquer pessoa, mesmo que o profissional em questão tenha grande conhecimento sobre os produtos/serviços pode não saber necessariamente como colocar isso num formato e linguagem alinhados com a audiência.

O produtor de conteúdo das redes sociais da sua companhia deve ter bons conhecimentos de escrita e saber com quem irá dialogar com as postagens. O trabalho em equipe entre os profissionais que sabem mais sobre a empresa e os aptos a produzir conteúdo pode ser o que falta para impulsionar a fanpage.

Gostou de saber mais sobre os principais erros que podem impactar o engajamento da fanpage da sua companhia?

Copyright: 563441398 – https://www.shutterstock.com/pt/g/OPPONA

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Outros Artigos

Marcus Marques

Empresário e Empreendedor
Marcus Marques é mentor e referência em gestão para pequenas e médias empresas. É sócio diretor do Instituto Brasileiro de Coaching - IBC*, empresa líder de mercado construída junto com seu Pai (José Roberto Marques) que tem mais de 500 colaboradores.Seu conteúdo é recomendado pela Exame.com e foi eleito em 2016 Empreendedor do Ano com o #PJB Prêmio Jovem Brasileiro. Com base em sua formação e experiência prática, criou a metodologia Acelerador Empresarial, onde mais de 1.000 empresas já participaram de seus programasQuer conhecer os resultados e o perfil completo? Veja tudo sobre o Marcus aqui.

CONTATE-ME

TERMOS E CONDIÇÕES | POLÍTICA DE PRIVACIDADE

© 2018 MARCUS MARQUES. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.

CNPJ:25.048.157/0001-18 – MARCUS MARQUES INSIGHTS LTDA

AL MARACANA – 1029 CEP: 74.674-150 – QUADRA119 LOTE 21 CASA 02 SALA 01